Tyron Woodley provoca Adesanya e afirma que venceria nigeriano nos médios

Ex-campeão do UFC minimiza talento de Israel e sugere que pode subir de divisão no futuro

T. Woodley (foto) provoca I. Adsanya. Foto: Reprodução/Instagram @twooodley

Campeão dos meio-médios (até 77kg.) do UFC entre 2016 e 2019, Tyron Woodley está disposto a retornar ao radar da diretoria na empresa. Sem atuar desde a derrota para Kamaru Usman no ano passado, o norte-americano decidiu provocar o atual campeão dos médios (até 83,9kg.) e sugeriu que pode subir de divisão, depois de mais algumas lutas em sua atual categoria, para encarar o nigeriano no futuro.

Veja Também

Ultimate cancela eventos das próximas duas semanas, mas não exclui card de 9 de maio
Respeitando a pandemia, Amanda Nunes se retira de possível card de 9 de maio: ‘Não é a hora’
Empresário de Khabib e Justin Gaethje diz que não impediria possível confronto entre clientes

“Eu tenho que limpar a divisão dos meio-médios. Três ou quatro lutas na categoria e aí, quando eu me sentir confortável para dizer que venci todos, vou subir de divisão e ver se ‘Izzy’ (Israel Adesanya) é tudo isso”, disse Woodley em uma transmissão ao vivo no Instagram.

Tyron tinha luta marcada contra Leon Edwards no UFC Londres, que aconteceria em 21 de março, mas o evento acabou cancelado devido a pandemia do coronavírus (COVID-19). O atleta, no entanto, esperava recuperar a boa fase na carreira para que pudesse dar início ao seu plano.

“Eu vou direto para o cinturão (se subir de divisão). Não vou subir para brincar. Já sou cinco vezes campeão do mundo”, afirmou Woodley.

Pensando em uma nova disputa de título, o ex-campeão aproveitou para ‘tirar uma casquinha’ de Adesanya, que, hoje, é um dos principais nomes do Ultimate. O combatente minimizou o talento de Israel e afirmou que poderia vencê-lo em uma eventual peleja.

“Acho que ele não é tão estúpido como todos dizem. Acho que ele é ótimo, mas todos o estão agindo como se ele fosse um fenômeno. Já vi alguma exposição na luta contra (Kelvin) Gastelum. Já vi alguma exposição na luta do Yoel Romero. Ele tem medo de caras fortes. Uma coisa que eu e o Yoel temos em comum é força, explosão,” contou.

Ao saber da investida de Woodley, Israel não perdeu tempo e respondeu com ironia à fala de Tyron. O nigeriano respondeu na mesma moeda e brincou com o fato do ex-campeão dos meio-médios ter sido dominado e batido por seu amigo, Kamaru Usman, em seu último compromisso.

“Você não pôde nem lidar com o pesadelo nigeriano, Kamaru Usman, quando ele estava apenas 30% de sua forma”, escreveu Israel em sua conta no Twitter.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments