Dana descarta McGregor e cita três possíveis adversários para Usman na disputa do cinturão

Presidente do UFC freia desejo de campeão e afirma que irlandês não está na linha de frente lutar pelo título dos meio-médios

D. White em coletiva de imprensa. Foto: Reprodução/YouTube UFC

O presidente do UFC, Dana White, tratou de colocar fim às especulações sobre o confronto entre Kamaru Usman e Conor McGregor pelo cinturão dos meio-médios (até 77kg.). Pensando em respeitar o ranking da divisão, o ‘chefão’ listou três nomes quem podem enfrentar o atual campeão em uma disputa que deve acontecer em um futuro próximo.

Veja Também

Anderson Silva desafia Conor McGregor para superluta e recebe resposta do irlandês
José Aldo encara Petr Yan pelo cinturão vago dos pesos galos do UFC
Colby Covington deixa a American Top Team e desafia ex-companheiros: ‘Vamos resolver no octógono’

“Escutem, a próxima luta de Usman será contra esses caras: vai ser Colby (Covington), (Jorge) Masvidal, (Leon) Edwards. Vai ser um desses. Não será Conor McGregor”, disse o mandatário em entrevista à ‘ESPN’.

Nos últimos dias, Kamaru deu início a uma promoção de um confronto contra McGregor, que, em janeiro, teve uma grande atuação lutando entre os meio-médios. A investida do nigeriano aconteceu após tomar conhecimento que seu possível rival, Jorge Masvidal, estaria disposto a reeditar o confronto contra Nate Diaz. A partir disso, sem um adversário em vista, o campeão buscou Conor como substituto.

White, então, tentou acalmar os ânimos de Masvidal, que é o desafiante favorito da empresa para o reinado de Kamaru, afirmando que, em um primeiro momento, uma luta pelo cinturão é mais viável do que um novo confronto contra Diaz. O embate, no entanto, não foi totalmente descartado pelo ‘chefão’.

“Eu prefiro ver o título do UFC sendo defendido do que o cinturão de ‘Mais Casca-Grossa’. Tudo é possível, mas são essas lutas que fazem sentido agora”, finalizou Dana.

Kamaru não luta desde sua primeira defesa de cinturão, em dezembro do ano passado, quando derrotou seu grande rival, Covington em um verdadeiro espetáculo aos fãs. Desde então, o atleta vem aguardando seu próximo compromisso pela organização.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments