Marreta comenta possibilidade de Adesanya e Borrachinha nos meio-pesados: ‘O chumbo é mais grosso’

Brasileiro, que teve transição de sucesso na mudança de divisão manda recado a atletas que sugerem subir para a categoria dominada por Jon Jones

Representante dos meio-pesados (até 93kg.) do UFC desde 2018, Thiago Marreta é um exemplo de sucesso entre os atletas que deixaram a categoria dos médios (até 83,9kg.) e se deram bem na divisão de cima. Sabendo da intenção de Israel Adesanya e Paulo Borrachinha de migrarem de grupo no futuro, o lutador da Cidade de Deus (RJ) mandou um recado aos aspirantes, em entrevista exclusiva ao canal do YouTube do SUPER LUTAS.

PUBLICIDADE:

Veja Também

“Depende de cada um. Tem que ver como se sente bem. Eu subi porque estava difícil para mim o corte de peso. Outros caras de 84kg. subiram – (Chris) Weidman, (Luke) Rockhold – e acabaram batendo de frente. O muro estava alto. Viram que as coisas não são bem assim. Quando você quer mudar de categoria, acho que tem que pensar o motivo disso. É um risco, ainda mais quando você sobe. Você corta menos peso, está saudável, mas pode ter certeza que o chumbo é mais grosso”, afirmou Thiago.

Aproveitando o gancho, Marreta também respondeu se retornar à divisão em que iniciou sua trajetória no UFC seria uma possibilidade. O brasileiro, que em apenas lutas na categoria de cima chegou à condição de desafiar o campeão, Jon Jones, afirmou que só aceitaria o desafio sob condições pontuais.

PUBLICIDADE:

“Pode acontecer. Tendo tempo para eu fazer o corte de peso e se for uma coisa que vale a pena, eu posso fazer uma superluta, mas, voltar para a categoria até 84kg. e permanecer nela, não”, finalizou.

Responsável por chocar o mundo e chegar perto de derrotar Jones em confronto realizado em julho do ano passado, Marreta se aproxima do seu retorno ao octógono após quase um ano parado. O atleta rompeu todos os ligamentos do joelho direito na disputa contra ‘Bones’, e acabou se afastando do esporte para se recuperar da cirurgia realizada após o UFC 239.

PUBLICIDADE:

Podcast #40: José Aldo ainda pode ser campeão no UFC?

Comentários

Deixe um comentário