Após nova defesa de cinturão, Usman propõe superluta contra lenda do UFC

Depois de defender título dos meio-médios pela segunda vez, nigeriano faz desafio a velho conhecido dos fãs de MMA

K. Usman (foto) sugeriu luta contra G. St. Pierre. Foto: Reprodução/Instagram

Depois da vitória dominante sobre Jorge Masvidal no UFC 251, no último sábado 11, Kamaru Usman está mais confiante do que nunca e propôs um grande desafio à diretoria do Ultimate. Em entrevista ao ‘TMZ Sports’, o campeão dos meio-médios (até 77kg.) sugeriu uma luta contra uma lenda do MMA para seu próximo desafio.

Veja Também

IMAGEM FORTE: Em duelo brasileiro, lutadora fica com perna envergada no UFC Ilha da Luta 2
Henry Cejudo ironiza conquista de Deiveson Figueiredo: ‘Campeão de aluguel’
Anderson Silva insiste em luta com Anthony Pettis e divulga pôster não-oficial
Deiveson já mira segundo título contra algoz de Aldo: ‘Quero o outro cinturão’
Como era o mundo antes do jejum de cinturões masculinos no UFC

“Eu gostaria de enfrentar Georges St.Pierre. No momento, estamos empatados no recorde de mais vitórias consecutivas entre os meio-médios e ele é um cara duro, uma lenda. Ele é uma pessoa que marcou seu tempo e é considerado um dos melhores naquilo que faz”, disse Kamaru.

Mesmo sem estar oficialmente aposentado, o canadense não sobe no octógono desde 2017, quando retornou ao UFC após um hiato de quatro anos na carreira, para desafiar o então campeão dos médios (até 83,9kg.), na disputa do título. Usman, no entanto, mostrou respeito à lenda e afirmou que o tempo parado não seria problema para St.Pierre.

“Georges ainda consegue lutar. Ele provou isso há dois anos, quando ele voltou. Ele é capaz de voltar e ser aquele adversário que as pessoas querem e estou procurando. É disso que os campeões são feitos. Se Georges quiser, ele pode conseguir”, afirmou o nigeriano.

Ex-campeão dos meio-médios e médios, Georges, no ano passado, chegou a confirmar o interesse de retornar ao MMA par uma superluta contra Khabib Nurmagomedov. As negociações, no entanto, não caminharam e o confronto acabou engavetado.

Atualmente, St.Pierre está com 39 anos. O atleta, hoje, soma 26 vitórias e duas derrotas na carreira como profissional nas artes marciais mistas.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments