Lutador do UFC relata drama após passar uma semana internado em UTI: ‘Quase morri’

Representante dos meio-médios, Geoff Neal narra episódio vivido, que resultou no cancelamento de sua luta contra Neil Magny para 29 deste mês; Covid-19 foi descartada

G. Neal narra drama após passar uma semana internada na UTI. Foto: Reprodução/Instagram

Representante dos meio-médios (até 77kg.) do UFC, Geoff Neal viveu um verdadeiro drama ao ser internado por uma semana na UTI (Unidade de Terapia Intensiva) de um hospital nos Estados Unidos. O atleta usou suas redes sociais para narrar o episódio aos fãs e explicar sobre o fato, que resultou no cancelamento de sua luta contra Neil Magny, marcada inicialmente para o próximo dia 29.

Veja Também

Renan Barão justifica fase ruim na carreira e fala sobre recomeço no Taura MMA
Último rival de Léo Santos, Roman Bogatov é demitido após golpes ilegais no brasileiro
Tyron Woodley confirma luta contra Colby Covington para 19 de setembro, no UFC 253

“As últimas semanas foram uma loucura, e isso falando de forma suave. É muito difícil tentar encontrar uma maneira eloquente de dizer ‘eu quase morri’. Mas, dane-se. Eu quase morri. Isso realmente colocou muitas coisas em perspectiva para mim. Nunca pensei que seria conectado a uma máquina de diálise antes dos meus 30 anos. Tudo estava indo bem para mim. Estava treinando todos os dias, ganhando dinheiro no trabalho, acabei de assinar contrato para uma grande luta, aí: ‘BOOM’. A vida me atingiu com um gancho. Estou muito feliz por estar em casa depois de passar uma semana na UTI. Mantenha-se saudável e ouça seu corpo o tempo todo”, escreveu o norte-americano em sua conta no Instagram.

Segundo o empresário do atleta, Sayif Saud, Neal foi encaminhado ao hospital após se sentir fraco, indisposto e com febre. O combatente foi submetido a um teste para Covid-19, no entanto, o exame não confirmou a doença. Ainda não há explicações concretas para a condição do lutador. Geoff, porém, já deixou o hospital e finaliza sua recuperação em casa.

Aos 29 anos, Neal é considerado uma das promessas para a divisão liderada por Kamaru Usman. Invicto desde sua estreia no Ultimate, em fevereiro de 2018, o combatente vem de cinco resultados positivos em sequência. O último, em dezembro do ano passado, quando derrotou Mike Perry por nocaute no UFC 245.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments