Derrota no UFC Las Vegas 8 abala Anthony Smith, que pensa em mudar de categoria

Norte-americano perdeu a segunda luta consecutiva de forma dominante e revelou que pode voltar ao peso médio

A. Smith (dir.) foi derrotado por A. Rakic (esq.) no UFC Las Vegas 8. Foto: Reprodução/Instagram

A pesada derrota sofrida diante de Aleksandar Rakic, no UFC Las Vegas 8, realizado no sábado (29), nos EUA, deixou Anthony Smith desnorteado. O atleta, que chegou a lutar pelo cinturão do peso meio-pesado (93kg) contra Jon Jones, perdeu para mais um top-10, se mostrou frustrado, pois considera o algoz inferior e justificou a derrota, citando a diferença física. De acordo com ‘Lionheart’, seu futuro na categoria é incerto.

Veja Também

Após vitória no UFC Las Vegas 8, Aleksandar Rakic pede luta por cinturão dos meio-pesados
Polyana Viana nega pressão por vitória e explica finalização no UFC Las Vegas 8
Aleksandar Rakic não se expõe e controla Anthony Smith no UFC Las Vegas 8
Polyana Viana brilha e finaliza Emily Whitmire no card preliminar do UFC Las Vegas 8
Em despedida, Ricardo Lamas fatura bônus de ‘Luta da Noite’ do UFC Las Vegas 8

“Nunca pedi mais categorias, mas, nas últimas duas lutas, isso ficou claro para mim. Sou grande para os médios e pequeno para os meio-pesados. Eles são mais altos, fortes e longos. É bem frustrante perder para um lutador que sei que posso derrotar. Não achei que corri perigo. O fator chave foi o tamanho e a força de Rakic”, disse Smith após a realização do combate.

Antes de lutar nos meio-pesados, o norte-americano atuou nos médios (84kg) e, mesmo não tendo uma passagem tão marcante pela divisão e sendo difícil de bater o peso, acredita que a tentativa de voltar é válida.

“Não sei. Bater o peso é muito difícil. Terei que fazer uma mudança total no estilo de vida. Não é só entrar em camp e mudar a dieta, mas essa é uma opção. Tenho que tomar uma decisão”, finalizou.

Vale lembrar que, antes de ser derrotado por Aleksandar Rakic, Anthony Smith havia sofrido nas mãos de Glover Teixeira, em maio. Suas vitórias mais marcantes na divisão foram diante de Alexander Gustafsson, Volkan Oezdemir, Maurício ‘Shogun’ e Rashad Evans, ex-campeões.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments