UFC on FX 5: Pezão nocauteia Browne e quebra invencibilidade do americano

Jussier Formiga é nocauteado e perde chance de disputar cinturão dos moscas

Pezão (foto) nocauteia Browne e fatura primeira vitória no UFC – Foto: Esther Lin

Travis Browne não sabia o que era perder no MMA, mas bastaram pouco mais de três minutos diante de Antonio Pezão para que o norte-americano fosse ao solo e conhecesse o primeiro nocaute de sua carreira. A vitória do brasileiro foi a atração principal do UFC on FX 5, evento realizado na noite desta sexta-feira (05), em Minneapolis, nos Estados Unidos.

O programa de lutas do show trouxe ainda mais três brasileiros em ação: Diego Nunes abriu os trabalhosl ao derrotar Bart Palaszewski, porém Carlo Prater acabou fazendo uma luta dura diante de Marcus LeVesseur, mas foi derrotado na decisão unânime dos juízes. Já Jussier Formiga estreou mal na organização e foi nocauteado por John Dodson.

 Pezão conquista primeira vitória no UFC
Em sua estreia no Ultimate Antonio Pezão não conseguiu mostrar seu jogo diante de Cain Velasquez, mas em sua segunda apresentação o brasileiro mostrou que pode ser bastante competitivo na divisão de pesos pesados.

Diante de  Travis Browne, Pezão conseguiu conter o impeto inicial do adversário que tentou surpreender com alguns chutes rodados e socos de encontro. Mas após entrar no combate o brasileiro mostrou toda sua força.

Após encurtar a distância, Pezão quase derrubou Browne, que teve que segurar na grade para não ir ao solo. Porém, ao tentar um pisão no joelho do atleta tupiniquim, Travis sentiu uma lesão no joelho. Aproveitando a oportunidade e a troca de base do rival, Pezão foi pra cima e acertar um potente direto no queixo de  Browne, que foi ao solo. Sem perder tempo, o brasileiro conectou mais quatro golpes no oponente no chão até o árbitro encerrar o combate.

Com o triunfo, Pezão, que conseguiu sua 17ª vitória no MMA, comemorou bastante, subiu no octógono e quase quebrou um dos postes que sustenta a grade.

“Estou muito feliz com minha vitória, eu treinei bastante. Eu não tinha conseguido lutar em minha estreia com Cain (Velasquez) e agora mostrei do que sou capaz”, disse o brasileiro, em entrevista após o duelo.

Formiga é nocauteado e perde a chance pelo cinturão
Considerado a maior esperança brasileira na recém-criada divisão de pesos moscas, o brasileiro Jussier Formiga não teve a estreia que esperava no UFC.

O atleta potiguar, que chegou na organização com já próximo de disputar o cinturão em caso de vitória no UFC on FX 5, ficou mais longe da disputa do título ao ser nocauteado por John Dodson.

Formiga até começou melhor a luta, usando sua maior envergadura para golpear o norte-americano, que se movimentava muito, no contragolpe. Mas no segundo round, veio o castigo.

Apesar da diferença de envergadura, Dodson achou a distância e começou a acertar os golpes. O soco de esquerda levou  Formiga a knockdown.

O brasileiro até conseguiu se recuperar e voltar para  a disputa em pé, mas no final final do assalto John acertou uma combinação de socos no corpo e no queixo que novamente derrubaram Formiga, que ainda sofreu com vários socos no chão até ser nocauteado.

desafiante de John Dodson, que foi campeão do TUF 14 entre os pesos galos, ganhou o direito de desafiar o campeão Demetrious Johnson pelo cinturão da divisão de pesos moscas.

Diego Nunes bate Palaszewski e faz as pazes com a vitória
Primeira brasileiro a subir no octógono,  Diego Brandão entrou para a luta diante de Bart Palaszewski pressionado da vitória, pois vinha de duas derrotas nas três últimas apresentações. Porém, logo no início da disputa, o brasileiro mostrou seu estilo agressivo na trocação.

Melhor na trocação nos três rounds, o brasileiro levou o oponente a knockdown em duas oportunidades e trabalhou com quedas e socos por cima em várias oportunidades. Ao final de 15 minutos, vitória de Diego Nunes na decisão unânime dos juízes (29×28, 30×27, 30×27).

Confira abaixo os resultados completos do UFC on FX 5:

Card Principal
Antonio Pezão derrotou Travis Browne por nocaute técnico no R1;
Jake Ellenberger derrotou Jay Hieron na decisão unânime dos juízes;
John Dodson derrotou Jussier Formiga por nocaute técnico no R2;
Justin Edwards finalizou Josh Neer com uma guilhotina no R1;
Michael Johnson derrotou Danny Castillo por nocaute no R2;

Card Preliminar
Mike Pierce derrotou Aaron Simpson por nocaute no R2;
Marcus LeVesseur derrotou Carlo Prater na decisão dividida dos juízes;
Jacob Volkmann finalizou Shane Roller com um mata-leão no R1;
Diego Nunes derrotou Bart Palaszewski na decisão unânime dos juízes;
Darren Uyenoyama finalizou Phil Harris com um mata-leão no R2;

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário