Gaethje não se intimida com histórico de Khabib e promete ser o atleta e homem superior: ‘Ele vai desistir’

Campeão interino do peso leve acredita que pode nocautear o atual número um da categoria e pretende ser dominante no UFC 254

J. Gaethje não se intimida com retrospecto de K. Nurmagomedov. Foto: Reprodução/Instagram

Justin Gaethje pode se orgulhar, já que é um dos poucos lutadores capazes de ameaçar o reinado de Khabib Nurmagomedov e está disposto a confirmar a expectativa no UFC 254. Para o evento, que será realizado no dia 24 de outubro, em Abu Dhabi, o campeão interino do peso leve (70,3kg) ignorou a invencibilidade e dominância do atual número um da categoria.

Pelo contrário, na coletiva de imprensa, realizada virtualmente, Gaethje ressaltou as qualidades que o tornam um perigo real ao russo e, além de prometer nocauteá-lo, seu objetivo é intimidar Khabib no octógono.

Veja Também

Khabib Nurmagomedov minimiza experiência de Justin Gaethje no wrestling: ‘Não usa como eu’
Há dois anos, Khabib finalizava McGregor no UFC 229; russo faz publicação provocando rival
Após Usman negar luta com Durinho, Leon Edwards aproveita para desafiar brasileiro

“Minha confiança é, provavelmente, meu ponto forte, junto com o poder que possuo e com o treinador que tenho. Essa é uma combinação perigosa. Qualquer um pode ser nocauteado. Khabib é um tolo se acha que não consegue dormir. Quero encerrar essa luta, fazer com que Khabib desista. Quero que ele saiba que sou o atleta superior, o homem superior. Esse é o objetivo desse jogo. Não me importo se vou ganhar ou perder, desde que minha família fique feliz e se orgulhe do meu desempenho. É Isso que me torna perigoso. Não sei se ele lutou contra alguém assim”, disse Gaethje.

Gaethje também fez questão de lembrar que possui um bom histórico no wrestling e que sempre foi conhecido por sua qualidade em defender as quedas e não pelos ataques.

“Lutei wrestling minha vida inteira. Uma grande parte do wrestling é não ser capaz de deixar alguém te derrubar e controlar. A defesa sempre foi meu forte. Nunca tive um wrestling ofensivo, mas não conseguiam me derrubar e vou negar as quedas de Khabib. É muito importante ficar longe da grade e não ser derrubado. Não acho que posso vencê-lo no wrestling, mas tenho trabalhado constantemente na minha defesa. Isso nunca se esquece. Se ele me derrubar, terei que dar a vida para sair de baixo. Tenho que ameaçar Khabib para ele hesitar na próxima tentativa”, finalizou.

Vale destacar que foi Justin Gaethje que impediu a luta dos sonhos dos fãs, entre Khabib Nurmagomedov e Tony Ferguson, de acontecer, ao nocautear o segundo em maio de 2020. Com isso, se tornou campeão interino do peso leve do UFC e ganhou o direito de desafiar o número um da categoria.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments