Há dois anos, Khabib finalizava McGregor no UFC 229; russo faz publicação provocando rival

Campeão linear dos leves comemora vitória sobre irlandês na luta mais assistida da história do Ultimate

K. Nurmagomedov finaliza C. McGregor no UFC 229. Foto: Reprodução/Instagram

O dia 6 de outubro ficará para sempre na história do MMA. Há exatos dois anos, Khabib Nurmagomedov enfrentava Conor McGregor para levar para o octógono uma das maiores rivalidades da história recente do esporte. Na ocasião, o russo levou a melhor, com uma performance dominante, que culminou em uma finalização. No aniversário da vitória, o ‘Águia’ comemorou o ocorrido e não perdeu a oportunidade de provocar o irlandês.

Veja Também

Dana White critica Conor McGregor por tentar roubar os holofotes dos demais lutadores: ‘Sempre faz isso’
Após Usman negar luta com Durinho, Leon Edwards aproveita para desafiar brasileiro
Amanda Ribas surpreende e revela vontade de se testar no boxe sem luvas: ‘Para calar meu pai’
Alex Cowboy faz desafio a Khamzat Chimaev: ‘Quero a luta que ninguém quer’

“São apenas negócios para eles, mas não para mim. Foi a noite que as máscaras caíram. Os caras das montanhas escreveram a história no centro de (Las) Vegas com o sangue dos rivais”, publicou Khabib.

Antes do encontro, que tinha em jogo, além da rivalidade, a disputa do cinturão linear dos leves (até 70,3kg.), houve muitas provocações de ambas as partes. As ofensas extrapolaram os limites do octógono e chegaram a afetar o lado pessoal.

Conor chegou a ofender a religião de Nurmagomedov, que é muçulmano, e, em um episódio marcante, chegou a atacar um ônibus que transportava Khabib com um carrinho de mão. Na ocasião, um atleta acabou ferido por estilhaços de vidro.

Na pesagem, realizada no dia anterior, não poderia ser diferente. Com muita tensão no ar, os lutadores quase chegaram às vias de fato, levando o público à loucura.

No duelo, McGregor não conseguiu impor sua estratégia e acabou sendo presa fácil do wrestling de excelência do russo.

Dois anos depois, o Ultimate ainda estuda a possibilidade de promover uma revanche entre os dois combatentes. O campeão segue na defensiva, afirmando que Conor não tem sido um lutador ativo dentro da organização, tão menos na categoria. A última vez que o irlandês se apresentou foi em janeiro deste ano, entre os meio-médios (até 77kg.), após ficar mais de um ano afastado do esporte.

Mais de 700 dias se passaram e Khabib segue como campeão linear da categoria. O atleta tem luta marcada para 24 de outubro, no UFC 254, quando enfrentará o dono do título interino, Justin Gaethje, para definir o líder absoluto do grupo.

Veja a publicação de Khabib

 

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments