De volta aos leves, Dos Anjos mira o cinturão e deseja enfrentar McGregor: ‘Os fãs querem ver’

Ex-campeão da categoria retorna após quatro anos e está confiante de que terá bastante sucesso em sua nova caminhada rumo ao topo

R. Dos Anjos deseja ser campeão dos leves novamente. Foto: Reprodução Facebook UFC

A última luta de Rafael dos Anjos no peso leve (70,3kg) aconteceu em 2016, porém o brasileiro retorna para a categoria na qual foi campeão, neste sábado (14). O adversário do brasileiro no UFC Las Vegas 14, evento que acontece nos EUA, será Paul Felder, que assumiu o combate faltando menos de uma semana para sua realização, mas RDA já pensa no futuro e vislumbra o cinturão, que um dia foi dono.

Em entrevista ao site norte-americano MMA Fighting, Dos Anjos está confiante de que voltará ao caminho das vitórias, acredita que a categoria ficará ainda mais interessante, depois da aposentadoria de Khabib Nurmagomedov, e não esqueceu de Conor McGregor. Caso vença Felder, o brasileiro adiantou que a estrela irlandesa será seu alvo.

Veja Também

Felder explica o que o motivou a aceitar enfrentar Dos Anjos neste sábado: ‘Vencer uma lenda e ter lutas maiores’
Adversários no UFC Las Vegas 14, Rafael dos Anjos e Paul Felder trocam elogios antes de lutarem neste sábado
Whittaker lamenta final de carreira de Anderson Silva e garante que não vai lutar por tanto tempo: ‘É loucura!’

“Este é um recomeço nos leves e busco o cinturão. Khabib se aposentou e a divisão está aberta. Ferguson, Poirier e Gaethje foram campeões interinos, mas os únicos campeões, além de Khabib, foram eu e McGregor e acho que essa é a luta a ser feita. A divisão está bem aberta, então por que não? Ainda quero essa luta e sei que muitos fãs também querem ver, especialmente, comigo de volta aos leves. Estávamos programados para lutar e, infelizmente, quebrei o pé. Isso acontece nos esportes de combate. Aqui estou eu, de novo, treinando e trabalhando muito. Mal posso esperar. Vencerei Felder e vou atrás do cinturão”, disse Dos Anjos.

RDA explicou que decidiu voltar aos leves, porque teve bastante contato com José Aldo, que trocou os penas (65,8kg) pelos galos (61,2kg), e foi o compatriota que lhe indicou o médico responsável por bater o peso de forma mais tranquila.

“Conversei com Aldo e ele me disse o quanto se sentia bem nos galos. Ele me indicou seu médico no Brasil e passei a investir na minha carreira. Estou fazendo dieta desde março. Tive que mudar meus hábitos e estou me sentindo muito bem. Sou mais experiente. Fui campeão com 31 anos. Hoje, tenho 36 anos e sou mais disciplinado. Estou me sentindo muito confiante”, finalizou.

Vale lembrar que Rafael dos Anjos decidiu se aventurar no peso meio-médio, pois estava sofrendo para bater o peso dos leves. No entanto, o veterano, de 36 anos, nunca descartou retornar, caso o UFC lhe oferecesse grandes lutas.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments