Para se firmar na história, Deiveson revela planos de enfrentar Garbrandt e Henry Cejudo

Brasileiro segue planejamento de encarar os melhores atletas do UFC para se consolidar na história da empresa; paraense faz primeira defesa de título neste sábado

D. Figueiredo em vitória pelo Ultimate. Foto: Reprodução/Facebook UFC

Atual campeão no peso mosca (até 56,7kg.), Deiveson Figueiredo não quer saber de vida fácil em seu reinado. Com luta neste sábado (21), pelo UFC 255, quando faz sua primeira defesa de título no embate contra Alex Perez, o ‘Deus da Guerra’ já tem planos para a sequência de sua carreira. Em coletiva de imprensa, com participação do SUPER LUTAS, o brasileiro revelou o desejo de encarar dois ex-campeões da companhia e cimentar ainda mais seu nome como um dos melhores da empresa.

Veja Também

Vídeo: Único algoz de Deiveson, Jussier Formiga palpita sobre defesa de título de paraense no UFC 255
De olho no título de ‘Lutador do Ano’, Deiveson promete show no UFC 255: ‘Vou nocautear no melhor estilo’
Apesar da rivalidade, Patrício Pitbull acredita que Michael Chandler pode ser campeão do UFC: ‘Tem muita qualidade’

“(Cody) Garbrandt e (Henry) Cejudo são os caras que eu tenho interesse em enfrentar. Estou à disposição do Dana (White). Na hora que ele quiser fechar a luta, estou disponível para dar esse show”, afirmou o ‘Deus da Guerra’.

Antes de ser colocado frente a frente com dois grandes nomes na história recente do Ultimate, Figueiredo deverá passar pelo seu compromisso deste final de semana. Analisando seu adversário de sábado, o paraense mostrou respeito, mas confiança para um grande resultado em sua primeira defesa de título.

“Nenhuma luta é fácil. Toda luta é perigosa, a gente não pode subestimar ninguém. Eu sempre treino para lutar contra o melhor e, sábado, vou fazer a luta se tornar fácil para mim”, cravou o ‘Deus da Guerra’.

Inicialmente, no UFC 255, Deiveson enfrentaria o ex-campeão no peso galo (até 61,2kg.), Cody Garbrandt. O norte-americano, no entanto, acabou se lesionando e deixou o evento, sendo prontamente substituído por Perez. Contra o novo rival, Figueiredo, além do título, defenderá uma sequência invicta de quatro lutas.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments