Dan Hooker cria teoria para explicar superioridade de Do Bronx sobre Ferguson no UFC 256 | SUPER LUTAS

Dan Hooker cria teoria para explicar superioridade de Do Bronx sobre Ferguson no UFC 256

Atual número seis no ranking do peso leve, neozelandês afirma que ausência de público influenciou diretamente no desempenho do brasileiro e do norte-americano

D. Hooker (foto) analisou a má fase de T. Ferguson. Foto: Reprodução/Instagram

Atual número seis no ranking do peso leve (até 70,3kg.), Dan Hooker certamente ficou ligado na luta co-principal do UFC 256. Após assistir a um verdadeiro atropelo de Charles do Bronx sobre o temido Tony Ferguson, o neozelandês criou sua teoria para tentar explicar a superioridade do brasileiro sobre um dos maiores nomes da história da categoria.

Veja Também

“Para mim, é muito óbvio o que aconteceu. Tony é um lutador de público, ele absorve energia da torcida. Nos grandes momentos, sob pressão, 10, 20, 30 mil pessoas lá, você não pode me dizer que isso não influencia na situação”, afirmou Dan, em entrevista ao ‘Submission Radio’.

Enquanto o neozelandês acredita que a ausência do público influenciou negativamente o desempenho de Ferguson, para o atleta, o contrário aconteceu com Charles. Seguindo o raciocínio, o lutador sugeriu que a falta de torcida tirou a pressão dos ombros do paulista.

“Charles Oliveira (Do Bronx), para mim, é um atleta que tradicionalmente não vai muito bem sob a pressão de lutas grandes. Você olha para qualquer luta grande que ele fez no passado, ele congela. Para mim, foi isso. Tony não estava acordado”, finalizou.

O triunfo sobre Ferguson fez com que Do Bronx, enfim, chegasse ao top 5 da categoria liderada por Khabib Nurmagomedov. O brasileiro, agora, assumiu a posição de Tony e, em terceiro, espera a definição da luta entre Conor McGregor e Dustin Poirier, que se enfrentam no UFC 257.

Comentários

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments