Anthony Johnson desconhece acordo para enfrentar Romero, mas não se opõe ao desafio | SUPER LUTAS

AO VIVO

Siga o UFC 266 com duas disputas de cinturão

Anthony Johnson desconhece acordo para enfrentar Romero, mas não se opõe ao desafio

Recém-contratado pelo Bellator, lutador rebate declaração de cubano, que afirmou estar 90% acertado para confronto

Johnson deve voltar a lutar em 2021. Foto: Reprodução/Facebook @UFC

Uma das mais novas estrelas do Bellator, Anthony Johnson afirmou desconhecer o um acordo para enfrentar Yoel Romero pela organização. Após ser informado de que o cubano havia declarado à ‘ESPN’ que estava próximo de confirmar seu embate contra o ex-companheiro do UFC, ‘Rumble’ desmentiu, mas não se opôs a um futuro acerto entre as partes.

Veja Também

“Cara, ninguém disse nada para mim. Você me conhece, eu não escolho lutadores. Eu deixo que eles venham até mim. Se fizer sentido, eu aceito, se não, qual o sentido?”, afirmou Anthony, à ‘ESPN’.

Mesmo afirmando que as informações passadas por Romero não condizem com a realidade – até o momento -, Johnson entende que a luta entre ambos poderia gerar bastante engajamento por parte dos fãs do MMA. Desta forma, o norte-americano afirmou que não teria nada contra em dividir o cage circular com o cubano.

“Se Yoel diz que está 90% certo, não sei de onde ele tira a informação, porque ninguém me procurou. Talvez seja uma forma de me desafiar gentilmente. Você me conhece, sempre respeito meus oponentes, independente de quem seja. Vamos rolar os dados e ver o que acontece”, finalizou.

Ex-desafiante ao cinturão dos meio-pesados (até 93kg.) do UFC, Anthony nãos e apresenta desde 2017, quando acabou derrotado por Daniel Cormier. Desde o ano passado, o lutador flerta com o retorno ao esporte. Em 2020, Johnson acabou surpreendendo. Quando muitos pensavam que sua volta seria pelo Ultimate, o atleta acertou sua transferência para o Bellator.

Romero, que lutou pela última vez em março, pelo cinturão dos médios (até 83,9kg.) do UFC, foi dispensado há algumas semanas pela companhia. O atleta encabeçou uma lista de demissões que, segundo Dana White, contará com cerca de 60 lutadores.

Siga a disputa de cinturão no Boxe + UFC 266 AO VIVO

Podcast #30: Aquecimento para o UFC 266 com duas disputas de cinturão e migué de Romero no Bellator

Comentários

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments