Antigo conhecido de McGregor, Rafael dos Anjos provoca irlandês após UFC 257

Ex-campeão dos leves, brasileiro aproveita mau momento do ‘Notório’ e cutuca rival; atletas tiveram luta marcada em 2016, mas duelo nunca ocorreu

R. dos Anjos (esq.) e C. McGregor (dir.) realizam encarada em 2016. Foto: Reprodução/Instagram

Antigo conhecido de Conor McGregor, Rafael dos Anjos não perdeu a oportunidade de ‘tirar uma casquinha’ do ‘Notório’ após a dura derrota sofrida pelo irlandês para Dustin Poirier, no UFC 257. Em entrevista ao ‘Sherdog’, o brasileiro aproveitou o momento para provocar o antigo rival e admitiu ser um adversário complicado para o ex-campeão do Ultimate.

Veja Também

“Não me vejo como uma má opção para Conor. Sou um canhoto, tenho um grappling (luta agarrada) que é perigoso para ele. Uso muito aqueles chutes na panturrilha”, afirmou o brasileiro.

PUBLICIDADE:

Além de Conor, Dos Anjos, que retornou ao peso leve (até 70,3kg.) após alguns anos entre os meio-médios (até 77kg.), aproveitou para falar sobre Nate Diaz, que também deve voltar à divisão em breve. Para o niteroiense, o Ultimate deve promover a trilogia entre McGregor e Dustin Poirier ou com o ‘bad-boy’ norte-americano.

“Na minha opinião, seria mais interessante se eles (UFC) promovessem a trilogia com Poirier ou Diaz. A mesma fala funciona para Diaz. Meu jogo simplesmente não encaixa com o estilo dele (Nate) e a grande prova é que eu o derrotei com facilidade (em 2014) e ele nunca pediu uma revanche. Sou um grappler melhor, um trocador melhor e meu jiu-jitsu é melhor que o dele. Então, eu entendo por que ele nunca falou meu nome de novo”, finalizou.

PUBLICIDADE:

McGregor e Rafael estiveram muito perto de trocarem forças no octógono. Os atletas tinham compromisso marcado para o UFC 196, em 2016. Na ocasião, os lutadores disputariam o título dos leves, que estava em posse de RDA. O confronto, no entanto, acabou cancelado após uma lesão do niteroiense e nunca foi remarcado.

Por outro lado, o duelo contra Diaz aconteceu em 2014 e tem um significado importante na carreira do brasileiro. Depois de vencer o ‘bad-boy’ com propriedade, Dos Anjos carimbou o passaporte para encarar o campeão da época, Anthony Pettis. A disputa contra o ‘Showtime’ marcou a conquista do primeiro título de Rafael com as luvas do UFC, em 2015.

PUBLICIDADE:

Hoje, o brasileiro ocupa a sétima posição no ranking liderado por Khabib Nurmagomedov. Em sua luta de reestreia na divisão, o niteroiense teve grande vitória sobre Paul Felder, em novembro de 2020.

Charles do Bronx recusa luta no UFC? Peso leve detona: ‘Você sabe que vou te dar trabalho’

Leia Mais sobre: , , , , ,


Comentários

Deixe um comentário

Confira todos os resultados do UFC Las Vegas 92 Resultados do UFC St. Louis Resultados do UFC 301 Resultados do UFC Las Vegas 91 Resultados do UFC 300