Robert Whitakker mostra confiança para o duelo contra Kelvin Gastelum: 'Vou ser demais para ele' | SUPER LUTAS

Robert Whitakker mostra confiança para o duelo contra Kelvin Gastelum: ‘Vou ser demais para ele’

Em busca de mais uma disputa de título, ex-campeão dos médios (até 83,9kg) está convicto de que irá vencer o compromisso em 17 de abril

R. Whittaker em coletiva pelo UFC. Foto: Reprodução/YouTube

Faltando pouco mais de duas semanas para o duelo contra Kelvin Gastelum, Robert Whittaker mostra bastante confiança na sua vitória. O ex-campeão dos médios (até 83,9kg) afirmou que é mais lutador que o seu adversário  e que o rival verá a sua ‘melhor versão’ dentro do octógono. A declaração foi dada em entrevista ao ‘MMA Junkie‘.

Veja Também

“Acho que vou ser demais para ele. Meu golpe é muito limpo e rápido. Eu tenho muitas armas. Gastelum pode tentar me derrubar algumas vezes.  Mas eu acho que isso vai ser pior pra ele, pois é uma luta de cinco rounds e isso pode acabar o cansando”, declarou Whittaker.

Mostrando estar animado para o duelo, Robert fez uma previsão sobre em que momento irá vencer a luta. ‘The Reaper‘ afirmou também que está num ótimo momento e que isso representará problemas dentro do octógono para Gastelum.

“Eu acho que eu vou vencê-lo no segundo round. Tudo o que sei é que vou entrar nesta luta o melhor Whittaker que já fui. Vou para esse combate muito feliz e um Robert satisfeito, se torna muito perigoso”, declarou o ex-líder do médios.

Com um cartel de 22 de vitórias e cinco derrotas, Robert Whitakker é atualmente o número um da divisão. O neozelandês vem de dois triunfos consecutivos e em caso de êxito contra Gastelum, pode ter uma nova chance de disputar o cinturão dos médios. Seu último revés foi no UFC 243, em outubro de 2019, quando foi destronado por Israel Adesanya.

Substituindo Paulo Borrachinha, que foi retirado da luta devido a uma forte gripe, Kelvin Gastelum busca se manter no caminho das vitórias, para voltar ao topo da divisão. Após três derrotas consecutivas, o peso médio venceu Ian Heinisch, no UFC 258, em fevereiro desse ano. O pupilo de Rafael Cordeiro ocupa a oitava colocação no ranking da categoria.

Comentários

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments