Com mais 'um ou dois anos de carreira', Fabrício Werdum mira o título dos pesados da PFL | SUPER LUTAS

Com mais ‘um ou dois anos de carreira’, Fabrício Werdum mira o título dos pesados da PFL

Ex-campeão dos pesados (até 120,2kg) do UFC declarou que não deve lutar por muito mais tempo e que planeja ser campeão na nova organização

F. Werdum em vitória pelo UFC. Foto: Reprodução/Facebook @ufc

Ciente de que está na reta final de sua carreira, Fabrício Werdum, quer aproveitar os seus últimos combates como lutador profissional. Agora contratado pela PFL (Professional Fighters League), o peso pesado (até 120,2kg) mira conquistar o título da temporada 2021 na nova organização. A declaração foi dada em entrevista ao ‘MMA Junkie‘.

Veja Também

“Você tem que ganhar algumas seguidas para ser o campeão e eles tem o bônus de US$ 1 milhão. Isso é incrível, sabe? Isso com certeza é bom, porque eu quero ser mais ativo. Quero lutar umas quatro vezes em pouco tempo. Este é o meu grande objetivo agora, porque eu já fiz  de tudo (na carreira). Fui campeão no UFC, no jíu-jitsu e no ADCC. Meu próximo objetivo agora é conquistar o título da PFL”, declarou Werdum.

O ex-campeão dos pesados do UFC, falou sobre a proximidade do fim da carreira e declarou que não pretende continuar lutando por muito tempo. Werdum contou também, sobre a dificuldade do atleta profissional em pendurar as luvas.

“Tenho 43 anos e mais um, talvez dois (de carreira). Eu não sei ainda. Não é tão simples para nós, como um lutador, parar de fazer o que gosta. Essa é a minha vida. Eu adoro lutar, sabe? Por que eu tenho que parar?”, finalizou o brasileiro.

Com um cartel de 24 vitórias e nove derrotas, Fabrício Werdum é considerado um dos maiores lutadores brasileiros na história dos pesados. A segunda passagem do gaúcho pelo Ultimate, durou de 2012 a 2020. O auge do lutador na organização, foi em junho de 2016, quando finalizou Cain Velasquez e unificou o título.

Em novembro de 2020, o brasileiro assinou com a PFL. A estreia na nova empresa, será no dia 6 de maio. O rival do gaúcho será o seu compatriota Renan Problema, pelo torneio dos pesados. O vencedor da competição ganhará o prêmio de US$1 milhão (cerca de R$5,6 milhões).

Comentários

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments