Prochazka quer disputa de título contra Blachowicz, mas revela adversário dos sonhos nos meio-pesados | SUPER LUTAS

AO VIVO

Assista o UFC 263 com Deiveson e Adesanya defendendo seus cinturões

Prochazka quer disputa de título contra Blachowicz, mas revela adversário dos sonhos nos meio-pesados

Carrasco de Dominick Reyes no UFC Las Vegas 25, tcheco enaltece trajetória de Jon Jones na categoria e admite sonho de encarar norte-americano

J. Prochazka derrotou D. Reyes no UFC Las Vegas 25. Foto: Reprodução/Instagram

Em alta no Ultimate depois de brutalizar um dos principais nomes dos meio-pesados (até 93kg.), Jiri Prochazka está na linha de frente para uma disputa de cinturão. Mesmo mirando um confronto contra o atual campeão do grupo – que enfrenta Glover Teixeira em setembro -, o tcheco admitiu que o polonês não é seu adversário dos sonhos. Em entrevista ao ‘RT Sports’, o atleta revelou que gostaria de encarar o lendário Jon Jones.

Veja Também

“Ele (Jones) é o rei dos meio-pesados. Seria o maior adversário na categoria para mim, mas ele está nos pesados (até 120,2kg.) agora. Eu não lamento por isso, mas acho que, quando ele estiver nos meio-pesados, será o mais perigoso para todos”, afirmou o tcheco.

Dito isso, Prochazka sabe que, em um futuro próximo, uma luta contra Jon é praticamente impossível, já que o antigo campeão da categoria vem, desde agosto de 2020, se preparando para sua estreia no grupo até 120,2kg. Assim, cabe ao tcheco buscar o duelo contra o vencedor da peleja entre Blachowicz e Glover, no UFC 266.

“Quero enfrentar os lutadores mais duros. O primeiro foi Volkan (Oeezdemir), (…) Dominick (Reyes) era um dos oponentes mais dominantes dos meio-pesados, eu acho. O estilo dele é único e perigoso. O próximo, agora, é Blachowicz. É o que estou olhando no momento”, finalizou.

Ex-campeão do RIZIN, Prochazka precisou de apenas duas apresentações no Ultimate para chegar à elite da categoria até 93kg. Com dois nocautes consecutivos, o atleta encheu os olhos da diretoria da empresa e, hoje, ocupa a segunda posição na divisão, atrás apenas de Teixeira e Jan, que detém o cinturão.

Lenda absoluta dos meio-pesados, Jon Jones dominou a divisão por cerca de 10 anos. O norte-americano não se apresenta desde fevereiro de 2020, quando bateu Reyes e defendeu o título, naquela que marcou sua despedida do grupo. Em agosto da temporada passada, ‘Bones‘ abriu mão oficialmente do título e passou a se preparar para o desafio na divisão de cima.

Comentários

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments