Tyson Fury e Deontay Wilder têm trilogia histórica no boxe encaminhada, diz site | SUPER LUTAS

Tyson Fury e Deontay Wilder têm trilogia histórica no boxe encaminhada, diz site

Campeão dos pesados pela WBC, inglês coloca cinturão em jogo contra antigo detentor do título em 24 de julho

T. Fury (esq.) e D. Wilder (dir.) se enfrentaram duas vezes, com um empate e uma vitória para o inglês. Foto: Reprodução/Instagram

Embora tenha chegado próximo de oficializar uma superluta contra o multicampeão de boxe, Anthony Joshua, o destino de Tyson Fury parece ser outro. De acordo com a ‘ESPN’, o compromisso do atual campeão dos pesados pela WBC (Confederação Mundial de Boxe) será a trilogia histórica diante de Deontay Wilder. Segundo a agência, o embate acontecerá em 24 de julho, na T-Mobile Arena, em Las Vegas (EUA).

Veja Também

Para os fãs da ‘nobre arte’, o reencontro entre Fury e Wilder representa muito para o esporte. Os dois se enfrentaram em duas ocasiões, uma em 2018 e outra em 2020.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Na primeira vez que trocaram forças, o confronto acabou com um resultado polêmico, criticado por parte dos fãs e imprensa especializada. Campeão na época, Deontay manteve o cinturão após um empate em um embate marcado pelo equilíbrio.

Disposto a ter uma nova oportunidade de encarar Wilder, Tyson realizou duas apresentações antes de voltar a dividir o ringue com o rival. Após duas vitórias consecutivas, Fury, então, teve seu acerto de contas confirmado.

Em 2020, a história foi diferente. Com o título da WBO em jogo, Tyson não tomou conhecimento do então campeão, que estava invicto em sua trajetória no boxe, com 42 vitórias e um empate em seu cartel profissional. Wilder, porém, conheceu o revés de forma dura, sendo nocauteado por Fury no sétimo assalto, em luta prevista para 12 rounds.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Depois de tirar a invencibilidade do adversário, em fevereiro de 2020 e conquistar um dos mais importantes cinturões da categoria, Tyson segue invicto na carreira. O atleta não venceu um compromisso apenas no empate contra Wilder, há mais de dois anos.

Comentários

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments