Ex-campeão mundial diz que ficou surpreso por Anderson Silva aceitar enfrentá-lo no boxe | SUPER LUTAS

AO VIVO

Assista o UFC 263 com Deiveson e Adesanya defendendo seus cinturões

Ex-campeão mundial diz que ficou surpreso por Anderson Silva aceitar enfrentá-lo no boxe

Julio Cesar Chávez Jr. também falou sobre seus planos para o combate e acredita ser mais habilidoso que ‘Spider’

J. Cesar Chavez Jr. enfrenta A. Silva no dia 19 de junho. Foto: Reprodução/Instagram

A decisão de Anderson Silva migrar ao boxe abalou o mundo das lutas. Inclusive, Julio Cesar Chávez Jr. afirmou que ficou surpreso pelo ‘Spider’ ter aceitado enfrentá-lo e acredita que as regras especiais ajudaram para que o duelo acontecesse. O duelo ocorre no dia 19 de junho, no Estádio Jalisco, em Guadalajara, no México.

Veja Também

“Estou surpreso. Não só por Anderson Silva, mas por muitos lutadores do UFC estarem vindo lutar no boxe. Estou um pouco surpreso que ele tenha aceitado esse desafio. Ao mesmo tempo, é uma luta de oito rounds, no peso de 81,6kg. e isso é melhor para ele, deixando a luta mais equilibrada. Ele já lutou duas ou três vezes no boxe, então sabe nocautear. Mas eu posso vencê-lo porque sou o (melhor) lutador”, declarou o boxeador em entrevista ao ‘MMA Fighting’.

Além de recepcionar o ‘Spider’ no boxe, Julio Cesar Chavez Jr. revelou que planeja nocautear o brasileiro. Para isso, ele também acredita que a longevidade no combate pode beneficiá-lo no duelo.

“Eu não sei como ele pode aguentar meus socos. Eu sinto que posso nocauteá-lo. Não estou confiante (em vencer) com apenas um soco, mas derrubá-lo aos poucos. Eu acho que sou muito habilidoso para ele. Espero uma luta dura nos três ou quatro rounds iniciais, mas depois acho que os lutadores do UFC não têm (capacidade) de seguirem lutando em alto nível. Essa é a diferença”, concluiu Chaves Jr.

Aos 35 anos, Júnior viveu seu auge no boxe entre 2006 e 2015, quando conquistou e defendeu o cinturão da WBC (Confederação Mundial de Boxe). Ao longo de 17 anos de carreira, o atleta, que é filho do lendário Julio César Chávez, disputou 59 lutas. Assim, são 52 vitórias e cinco derrotas.

Um dos maiores nomes da história do Ultimate, Anderson nunca escondeu o desejo de se aventurar no boxe. Em seu auge, o ‘Spider’ sempre tornou pública sua vontade de trocar forças contra Roy Jones Jr., adversário de Mike Tyson em uma superluta realizada em 2020.

Comentários

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments