Dhiego Lima descarta sentimento de vingança e promete 'guerra' contra Matt Brown no UFC Las Vegas 29 | SUPER LUTAS

Dhiego Lima descarta sentimento de vingança e promete ‘guerra’ contra Matt Brown no UFC Las Vegas 29

Em entrevista exclusiva ao SUPER LUTAS, o brasileiro mostrou respeito pela história do 'Imortal', mas diz que vai surpreendê-lo neste sábado

D. Lima enfrenta M. Brown no UFC Las Vegas 29. Foto: Reprodução/Instagram

Às vésperas do duelo contra Matt Brown no UFC Las Vegas 29 do próximo sábado (19), Dhiego Lima reconheceu a importância do seu adversário na história do MMA. Em entrevista exclusiva ao SUPER LUTAS, o brasileiro enalteceu o currículo do ‘Imortal’ e promete uma ‘guerra’ no duelo.

Veja Também

Em luta que abre o card preliminar do evento, Dhiego reconhece a boa qualidade de Brown. Ainda assim, se considera superior tecnicamente e revela ter ‘jogo’ para surpreender o veterano.

“Eu gosto de sair na mão, então será uma luta para os fãs. Eu me vejo controlando essa luta. Ele é um cara duro, mas se for olhar a parte técnica eu sou melhor. Tenho que tomar cuidado com as cotoveladas e joelhadas ou com coisas que ele pode me machucar, mas se eu conseguir controlar, ganho essa luta”, afirmou Lima.

Em entrevista ao site norte-americano ‘BJPenn.com’, o norte-americano afirmou elogiou o brasileiro, mas diz que já pensa em um confronto contra Robbie Lawler ou Donald Cerrone. O brasileiro, no entanto, entende a provocação apenas como parte do estilo de seu oponente e garante que estará pronto para o combate.

“É parte do estilo dele. Mas, enquanto eu não chegar lá, não sei o que ele vai tentar fazer. Nas últimas lutas, ele está lutando muito mais calmo. Ele está um pouquinho velho no jogo, mas continua perigoso do mesmo jeito. Então, não sei como ele vai me ver, mas independente do que faça eu estarei pronto”, destacou o brasileiro.

SENTIMENTO DE REVANCHE?

Ainda em 2007, Matt Brown encarou seu irmão e atual competidor do Bellator, Douglas Lima. Na ocasião, o norte-americano nocauteou no segundo round. Relembrando o caso, Dhiego Lima descarta que haja qualquer sentimento de revanche para o combate e diz que quer apenas colocar Matt Brown na lista de lutadores que ele já venceu.

“Não (vejo como uma revanche), só como outro oponente mesmo. Acho que a gente não pode levar uma emoção dessa para a luta, pois é um cara perigoso. O foco é só nele. E essas outras coisas são boas apenas para vender a luta, mas no final do dia sou eu contra ele lá dentro. Então, tenho que ficar concentrado 100% nele”, disse.

EXPERIÊNCIA NO TUF 25

Adversários de sábado, Dhiego Lima e Matt Brown já são velhos conhecidos. O goiano, que participou do ‘The Ultimate Fighter 25’, chegou a treinar com o norte-americano, treinador no reality show. Agora, ele relembrou os treinos e afirmou que tem jogo para surpreender no duelo.

“Ele passou umas coisas para mim. Cotovelos, joelhadas e clinchs. E me jogou umas quatro vezes nisso. É um cara gente boa. Ele me viu lutando umas três vezes (no TUF), mas eu tenho mais coisas para surpreendê-lo”, concluiu.

HISTÓRICO DOS ATLETAS

Dhiego busca uma nova sequência de bons resultados para se aproximar novamente do top-15 da divisão. O brasileiro vem de derrota para Belal Muhammad no UFC 258 em fevereiro desse ano e está em sua segunda passagem pelo Ultimate. Atualmente, ele tem um cartel de 15 triunfos e oito reveses.

Com 40 lutas profissionais na carreira, Matt Brown é contratado do UFC desde 2008. Considerado um dos maiores nomes do grupo até 77,1kg, o norte-americano está em boa fase na organização. Nos últimos sete combates, o ‘Imortal’ sofreu cinco derrotas. O combatente possui um cartel de 22 triunfos e 18 reveses.

Comentários

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments