Dos Anjos confirma presença no UFC 264 e reforça desafio a McGregor: 'Na corrida pelo título' | SUPER LUTAS

Dos Anjos confirma presença no UFC 264 e reforça desafio a McGregor: ‘Na corrida pelo título’

Ex-campeão dos leves, brasileiros afirma que estará em Las Vegas para espetáculo deste sábado e mira duelo com irlandês

R. Dos Anjos (foto) retornou à divisão dos leves no UFC Las Vegas 14. Foto: Reprodução/Facebook @UFC

Para muitos lutadores de MMA, enfrentar Conor McGregor seria mais do que um sonho, devido às bolsas milionárias conquistadas. Para Rafael dos Anjos, no entanto, a história com o irlandês é diferente. O brasileiro, que já esteve próximo de dividir o octógono com o atleta voltou a falar que tem contas a acertar com o ‘Notório’ e garantiu presença no UFC 264, que acontece neste sábado (10).

Veja Também

Neste fim de semana, McGregor volta à ativa para uma trilogia histórica com Dustin Poirier. De olho nos lutadores, RDA reforça o interesse em se testar contra um dos dois, mas não esconde a preferência.

“Não vou torcer para nenhum dos dois, vou deixar eles se resolverem (risos). Espero que ninguém se machuque sério. Eu acho que o Conor e eu temos uma história, ficamos perto de lutar duas ou três vezes. Foram duas, uma eu quebrei o pé, a outra era pelo cinturão dos meio-médios no Brasil. Era meio que segredo. O Conor seria uma luta que teria uma história. Eu não tenho história nenhuma com o Poirier, nunca tive para lutar contra ele. A luta contra o Conor teria mais apelo”, afirmou Rafael, em entrevista ao ‘Combate’.

De volta ao peso leve (até 70,3kg.), após alguns anos nos meio-médios, Dos Anjos garante que seu foco é recuperar o cinturão que foi seu entre 2015 e 2016. Atual número sete no grupo liderado por Charles do Bronx, Rafael não escondeu que ainda tem motivação de sobra para liderar uma divisão do UFC.

“Sou ex-campeão, estou na ativa, venho de vitória. Mudei a minha vida completamente. (…) Tenho muita lenha para queimar, estou na corrida pelo cinturão de novo, para enfrentar grandes nomes. É parte da negociação. O UFC falou que quer que eu esteja no evento, estarei lá e espero enfrentar um deles. Estou nessa corrida pelo título também”, encerrou.

Aos 36 anos, RDA, hoje, soma 33 lutas como profissional no MMA. O atleta vem de vitória sobre Paul Felder em novembro de 2020.

A queda do ‘Império Pitbull’ no Bellator e a prévia para o UFC 265

Comentários

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments