Após triunfo no UFC Vegas 32, TJ Dillashaw revela desejo por luta de título: 'Quero meu cinturão de volta' | SUPER LUTAS

Após triunfo no UFC Vegas 32, TJ Dillashaw revela desejo por luta de título: ‘Quero meu cinturão de volta’

Norte-americano revela, inclusive, que não ficou impressionado com a primeira luta entre Aljamain Sterling e Petr Yan; ele venceu Cory Sandhagen na decisão dividida

T. Dillashaw em coletiva pós-evento. Foto: Reprodução/YouTube

Após sua vitória no UFC Las Vegas 32 deste sábado (24) sobre Cory Sandhagen, TJ Dillashaw está motivado para conseguir seu grande objetivo de reconquistar o cinturão dos galos (até 61,2kg.). Em entrevista coletiva pós-evento, o norte-americano diz que não ficou impressionado com a primeira luta entre Aljamain Sterling e Petr Yan pelo título e acredita que pode voltar ao topo.

Veja Também

“Eu quero meu cinturão de volta. É meu cinturão. Não fiquei satisfeito com a última luta deles. Acho que (Petr) Yan vai vencer. Aljamain (Sterling) não parecia bem no último combate e é por isso que eu me vejo lutando pelo cinturão em seguida”, disse Dillashaw.

Apesar do ‘lobby’, no entanto, TJ terá que esperar pela revanche de Yan e Aljamain, que deve ocorrer no UFC 267, em outubro. Porém, caso consiga conquistar o feito, TJ Dillashaw alcançaria o recorde de Randy Couture de se tornar três vezes campeão no Ultimate em épocas distintas.

“Sim, seria incrível. Eu estou muito animado por ser um tricampeão. (…), a forma com que eu me sinto bem, aos 35 anos, também em deixa muito entusiasmado por esse título”, concluiu o norte-americano.

Aos 35 anos, Dillashaw possui um cartel de 17 triunfos e quatro reveses em sua carreira no MMA profissional. No combate contra Cory Sandhagen, ele se apresentou pela primeira vez após mais de dois anos fora suspenso por doping pela USADA (Agência Antidopagem dos EUA).

Podcast #30: Aquecimento para o UFC 266 com duas disputas de cinturão e migué de Romero no Bellator

Comentários

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments