Campeão olímpico em Tóquio manda mensagem a Dana e garante que pode conquistar cinturão do UFC em 18 meses | SUPER LUTAS

Campeão olímpico em Tóquio manda mensagem a Dana e garante que pode conquistar cinturão do UFC em 18 meses

Medalhista de ouro no wrestling, Gable Steveson fala sobre futuro de possibilidade e não descarta migrar para o MMA

G. Steveson foi medalhista de ouro no wrestling, pelos pesados dos Estados Unidos. Foto: Reprodução/Instagram

Destaque norte-americano nos Jogos Olímpicos de Tóquio, Gable Steveson ainda não sabe qual será o próximo passo na carreira, mas quer analisar todas as possibilidades. Medalhista de ouro no wrestling, na divisão dos pesados, o atleta enviou uma mensagem direcionada a Dana White e admitiu interesse em se testar no MMA. Em entrevista ao ‘MMA Fighting’, o campeão falou sobre a possibilidade.

Veja Também

“O que vem na sequência para Gable Steveson, ainda não sei. Estou aberto para todas as opções. Vou explorar cada possibilidade que eu puder, colocar meu nome em todas as mesas e me certificar que meu nome está bem visto e vai influenciar empresa”, disse o lutador.

No topo do wrestling na divisão dos pesados, Seteveson, então, comentou sobre a mensagem direcionada a Dana White, presidente do Ultimate. Certo de que o mandatário visualizou a investida feita no Twitter, Gable falou com admiração sobre o Ultimate.

“Definitivamente, sou um fã de lutas. Quem não gostaria de ser o cara mais ‘casca grossa’ do planeta? Quem não gostaria de segurar um cinturão do UFC? Estou com a medalha olímpica. Sou o wrestler mais ‘casca grossa’ do planeta. Por que não ir lá e me tornar o maioral no peso pesado do UFC?”, indagou.

Mesmo elogiando o Ultimate, a empresa presidida por White não é a única possibilidade para Steveson. Disposto a se testar, o medalhista de ouro não descarta tomar outro rumo.

“Existem muitos lugares para ir. Não sei o que acontecerá na sequência. WWE, UFC, futebol, voltar para a faculdade. Quem sabe? No fim das contas, a melhor decisão será tomada pela minha família”, encerrou.

Após o sucesso em Tóquio, as atuações de Gable encheram os olhos de outro destaque no wrestling norte-americano. Ex-campeão do Bellator e ONE Championship, Ben Askren aposta que o peso pesado tem talento suficiente para atuar no MMA em alto nível em breve. Percebendo o elogio, Steveson fez coro à afirmação do veterano.

“Eu vi a publicação do Ben Askren e eu acredito nisso também. Creio que, com minhas habilidades no wrestling, e me aprimorando algumas técnicas na trocação, posso ser campeão em menos de 18 meses. Posso dominar do meu jeito o campo do peso pesado”, encerrou.

Nascido em 2000, Gable, de 21 anos, tem uma trajetória de sucesso no wrestling. Caso opte pela decisão de integrar o Ultimate, o combatente terá pela frente a concorrência de nomes como Francis Ngannou e Ciryl Gane, atuais campeões na divisão até 120,2kg. – linear e interino, respectivamente.

Podcast #30: Aquecimento para o UFC 266 com duas disputas de cinturão e migué de Romero no Bellator

Comentários

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments