Anthony Smith finaliza Ryan Spann na luta principal do UFC Las Vegas 37

O 'Coração de Leão' não deu chances ao adversário, finalizou a luta no primeiro assalto e somou a terceira vitória consecutiva

A. Smith finalizou R. Spann na luta principal do UFC Las Vegas 37 (Foto: Instagram/UFC)

Na luta principal do UFC Las Vegas 37, Anthony Smith mostrou o porquê de continuar sendo escalado para main events da organização. O “Coração de Leão” finalizou Ryan Spann no primeiro round.

PUBLICIDADE:

Veja Também

Sexto colocado no ranking da divisão ao início da luta, Anthony Smith somou a terceira vitória consecutiva e manteve vivo o sonho de uma nova disputa de cinturão.

Ryan Spann, por sua vez, perdeu a oportunidade da segunda vitória consecutiva na organização. O atleta, que chegou a vencer suas quatro primeiras lutas no Ultimate, tem agora duas derrotas nas últimas três aparições.

PUBLICIDADE:

A LUTA

Dono da maior envergadura, Ryan Spann começou a luta tentando controlar o centro do octógono e ameaçou uma queda, bem defendida por Anthony Smith. Na sequência, Smith conectou um ótimo golpe em Spann, que caiu. O “Coração de Leão” foi para cima e tentou atacar o braço do adversário, que se defendeu e conseguiu levantar. Os dois partiram para a trocação franca, onde Smith levou ampla vantagem e conectou bons golpes, levando Spann novamente ao chão. Nas costas do adversário, Smith golpeou até abrir caminho para a finalização via estrangulamento ainda no primeiro assalto.

Após o encerramento da luta, os dois lutadores trocaram provocações e tiveram que ser separados por uma multidão de funcionários do UFC. A confusão durou pouco e eles rapidamente se cumprimentaram.

PUBLICIDADE:

Ion Cutelaba domina Devin Clark e sai vitorioso na luta co-principal da noite

I. Cutelaba não deu chances para D. Clark no UFC Las Vegas 37 (Foto: Instagram/UFC)

PUBLICIDADE:

O primeiro round foi de sobrevivência por parte de Devin Clark. Tudo começou quando Cutelaba acertou um ótimo golpe de direita, que derrubou o norte-americano. O moldavo foi com tudo para cima e aplicou uma série impressionante de socos no adversário, que se fechou e resistiu bravamente até o final do round.

No segundo round, Cutelaba não demorou para conseguir aplicar uma queda e cair montado. Em posição de total domínio, o “Hulk” lançou uma chuva de cotoveladas para cima de Clark, que mais uma vez foi valente e sobreviveu, conseguindo voltar à luta em pé. Cutelaba ainda teve tempo de aplicar mais uma queda antes do final do segundo assalto.

Sem nada a perder, Devin Clark esboçou uma pressão no início do último round, mas durou pouco. Rapidamente, Cutelaba conseguiu mais uma bela queda. No minuto final, foi a vez de Devin Clark finalmente cair por cima do moldavo, que se defendeu bem até o final da luta para confirmar a vitória por decisão unânime dos juízes (30-26, 29-26, 29-27)

A vitória sobre Clark foi a primeira de Ion Cutelaba desde setembro de 2019. O lutador da Moldávia vinha em uma sequência de duas derrotas e um empate.

Devin Clark perdeu a segunda consecutiva no Ultimate. O norte-americano vinha de derrota para Anthony Smith e não vence desde junho de 2020, quando bateu Alonzo Menifield.

UFC Las Vegas 37 – Resultados

CARD PRINCIPAL

Peso meio-pesado: Anthony Smith finalizou Ryan Spann a 3m47s do R1

Peso meio-pesado: Ion Cutelaba derrotou Devin Clark na decisão unânime dos juízes (30-26, 29-26, 29-27)

Peso mosca: Ariane Lipski derrotou Mandy Bohm na decisão unânime dos juízes (30-27, 30-27, 30-27)

Peso leve: Arman Tsarukyan derrotou Christos Giagos por nocaute técnico a 2m09s do R1

Peso galo: Nate Maness derrotou Tony Gravely por nocaute técnico a 2m10s do R2

Peso médio: Joaquin Buckley nocauteou Antonio Arroyo a 2m26s do R3

CARD PRELIMINAR

Peso meio-pesado: Tafon Nchukwi derrotou Mike Rodriguez na decisão unânime dos juízes (30-27, 30-27, 30-27)

Peso galo: Raquel Pennington derrotou Pannie Kianzad na decisão unânime dos juízes (29-28, 29-28, 29-28)

Peso leve: Rong Zhu derrotou Brandon Jenkins por nocaute técnico a 4m35s do R3

Peso galo: Montel Jackson derrotou JP Buys na decisão unânime dos juízes (30-27, 30-27, 30-27)

Peso mosca: Erin Blanchfield derrotou Sarah Alpar na decisão unânime dos juízes (30-25, 30-25, 30-26)

Peso meio-médio: Carlston Harris derrotou Impa Kasanganay por nocaute técnico a 2m38s do R1

Peso galo: Gustavo Lopez e Heili Alatengna empataram na decisão unânime dos juízes (28-28, 28-28, 28-28)

Peso mosca: Hannah Goldy finalizou Emily Whitmire com uma chave de braço a 4m17s do R1

Podcast #40: José Aldo ainda pode ser campeão no UFC?