Com futuro indefinido no MMA, Junior Cigano tem boa atuação em estreia no pro-wrestling

Brasileiro se apresenta ao lado de Paige VanZant e Jorge Masvidal, em confronto entre as equipes ‘American Top Team x All Elite Wrestilings’

J. Cigano participa do AEW Dynamite. Foto:Reprodução/YouTube

Ex-campeão dos pesados (até 120,2kg.) no UFC, Junior Cigano, enfim, fez sua estreia no pro-wrestling (telecatch) na última sexta-feira (15), pelo ‘AEW Dynamite’. O brasileiro se apresentou em um duelo de equipes, entre a American Top Team (com os lutadores Paige VanZant e Jorge Masvidal) e os integrantes principais do ‘All Elite Wrestling’s’.

PUBLICIDADE:

Veja Também

Em seu estilo característico, Cigano foi para cima de Chris Jericho, Jake Hager e Sammy Guevara, tendo participado de uma cena em que encurralava seus adversários junto à grade, derrubava e seguia socando no chão. Em um dos momentos, inclusive, o brasileiro chegou a ser quedado por um dos integrantes  em uma mesa do lado de fora do ringue.

Dispensado pelo UFC em março deste ano, Junior Cigano não se apresenta nas artes marciais mistas desde dezembro de 2020, quando foi nocauteado pelo campeão interino, Ciryl Gane. Apesar do tempo em inatividade, o atleta tupiniquim ainda não indicou seu futuro. Ele já recebeu sondagens de Bellator e BKFC – evento de ‘boxe sem luvas’ – e também já abriu as portas para competir no boxe.

PUBLICIDADE:

Profissional desde 2006, o brasileiro conta com um cartel de 21 resultados positivos e nove negativos na carreira. Em sua trajetória, ele já bateu grandes nomes como Fabrício Werdum, Mirko Cro Cop, Cain Velasquez, Frank Mir, Mark Hunt e Stipe Miocic.

Confira a participação de Cigano no ‘AEW Dynamite’

PUBLICIDADE:

Podcast #40: José Aldo ainda pode ser campeão no UFC?