Weili Zhang promete não repetir erros de primeira luta com Rose Namajunas em revanche no UFC 268

Confiante, chinesa reflete sobre derrota no primeiro encontro e quer ‘fazer diferente’ para recuperar o cinturão dos palhas

W. Zhang estava invicta no Ultimate antes da derrota para R. Namajunas. Foto: Reprodução/Instagram

Neste sábado (6), Weili Zhang terá a chance de se vingar da única derrota de sua carreira no Ultimate. Em abril deste ano, a chinesa sofreu um nocaute contra Rose Namajunas e perdeu o cinturão dos palhas (até 52,1kg.). Agora, na segunda luta mais importante do UFC 268, ela pode ‘devolver’ o revés.

PUBLICIDADE:

Veja Também

Por isso, no media day do evento, Zhang recordou o primeiro duelo entre as lutadoras e citou como pode surpreender e recuperar seu cinturão. Ela fez uma autocrítica do primeiro duelo, citou os treinamentos com Henry Cejudo e avaliou seus aprendizados com a derrota.

“Eu não achava que uma derrota pudesse ser uma coisa boa. Mas depois que perdi a última luta, pensei muito. Eu vi como algo bom para mim e é como um tesouro para que eu pudesse me conhecer ainda mais sobre mim e de como posso evoluir meu jogo na luta. Desta vez, aprendi muito com Henry (Cejudo), tanto do lado mental quanto do lado técnico. Eu sempre tive um bom senso sobre wrestling e antes de vir para cá (Estados Unidos), mas não esperava aprender tanto sobre wrestling neste período de treinos”, afirmou Weili.

PUBLICIDADE:

Primeira campeã chinesa da história do UFC, a ‘Magnum’ foi a dona do cinturão dos palhas entre 2019 e 2020. Zhang assumiu o trono da divisão até 52,2kg ao nocautear a brasileira Jéssica Andrade, fez sua primeira defesa contra a ex-campeã Joanna Jędrzejczyk e foi destronada por Namajunas na sequência. A lutadora asiática possui um cartel no MMA de 21 triunfos e dois reveses.

Podcast #40: José Aldo ainda pode ser campeão no UFC?