Ex-motorista revela que Mike Tyson precisava de sexo antes das lutas para não ‘matar rivais’

Ex-integrante do staff do boxeador, Rudy Gonzalez contou que precisava arrumar mulheres para o 'Iron' antes de todos os seus combates, para ele 'aliviar a tensão'

M. Tyson fez sua última apresentação em novembro de 2020. Foto: Reprodução/Instagram

Com a carreira repleta de polêmicas, a lenda Mike Tyson ‘ganhou’ mais uma incrível história para o seu currículo. Em entrevista ao jornal ‘The Sun’, o seu ex-motorista e segurança Rudy Gonzalez revelou que a lenda da nobre arte tinha a necessidade de fazer sexo antes de entrar em ação nos ringues como forma de ‘aliviar a tensão’ e não punir os adversários além do limite.

PUBLICIDADE:

LEIA MAIS: IMAGEM FORTE: Musa do UFC fica com rosto desfigurado após luta contra brasileira Ketlen Vieira

Veja Também

“Um dos maiores segredos que eu tinha com Mike era que ele precisava fazer sexo no camarim antes das lutas. Eu tinha que encontrar uma fã, não importava quem fosse. Ele dizia: ‘Se eu não transar, vou matar esse cara agora’. Eu tinha as meninas escondidas em banheiros e vestiários. Às vezes, ele ficava com elas por um minuto, transava e dizia: ‘Ok, esse cara vai viver esta noite’. Seu maior medo era matar alguém naquele ringue. Ele sabia que poderia fazer isso”, revelou Gonzalez.

PUBLICIDADE:

Considerado um dos maiores nomes da história da nobre arte, Tyson possui mais de 5o lutas profissionais em sua carreira. O ex-campeão dos pesados, o ‘Iron’ possui um retrospecto de 50 vitórias com 44 nocautes, cinco triunfos por decisão, uma por desqualificação e apenas seis derrotas.

Podcast #40: José Aldo ainda pode ser campeão no UFC?