Depois de atropelar Holyfield, Belfort enfrenta outro ex-campeão mundial de boxe em fevereiro

‘Fenômeno’ faz sua estreia no Triad Combat, evento que mescla a ‘nobre arte’ e o MMA; luta será contra Chad Dawson

V. Belfort atropelou E. Holyfield em desafio no boxe. Foto: Reprodução/Twitter @trillerfight

Depois da polêmica luta contra Evander Holyfield, em setembro, quando atropelou a lenda do pugilismo de 58 anos, Vitor Belfort já sabe qual será seu próximo desafio. O brasileiro tem encaminhado um confronto para fevereiro (sem data ou local oficial) contra Chad Dawson, multicampeão mundial de boxe, em duelo pelo Triad Combat, que mescla MMA e a ‘nobre arte’. A informação foi divulgada pelo ‘MMA Fighting’.

PUBLICIDADE:

Veja Também

Desde sua última apresentação, em setembro Belfort nunca escondeu o desejo de se testar em uma nova modalidade. De volta aos esportes de combate depois mais de três anos de inatividade, o veterano afirmou em coletiva após bater Evander, que gostaria de estar presente em um tipo de luta que envolvesse MMA e boxe.

No fim de novembro, o pontapé inicial do Triad Combat foi dado em evento encabeçado por Frank Mir, antiga estrela do UFC. Na ocasião, o veterano subiu ao ringue para encarar Kubrat Pulev, mas acabou duramente nocauteado.

PUBLICIDADE:

Em fevereiro de 2022, Belfort, de 44 anos, realizará mais um sonho dentro das artes marciais mistas. Disposto a se provar mais uma vez, o lutador levará à arena de combate sua experiência conquistada ao longo de mais de 20 anos de carreira.

Responsável por tentar estragar a festa de Vitor, Chad Dawson volta à ativa depois de mais de dois anos sem lutar profissionalmente. Como profissional no boxe, o combatente de 39 anos já ostentou cinturões mundiais nos meio-pesados e soma 36 vitórias em 43 apresentações.

PUBLICIDADE:

Podcast #46: Aquecimento para o UFC 270 com duas disputas de cinturão + Amanda Nunes fora da ATT e Jake Paul rico