Sonnen analisa ‘Do Bronx x Gaethje’ e revela preocupação com absorção de golpes do brasileiro

Ex-lutador e atual comentarista diz que compatriota deve estudar a melhor forma de atingir o brasileiro, caso queira se tornar campeão dos leves

C. Sonnen em seu canal no YouTube. Foto: Reprodução/YouTube

A trajetória de Charles do Bronx no topo da divisão dos leves (até 70,3kg.), de fato, não tem sido fácil. Campeão da divisão, o brasileiro se recuperou de knockdowns sofridos nos duelos contra Michael Chandler e Dustin Poirier para ressurgir e conseguir a vitória.

PUBLICIDADE:

Veja Também

Porém, para Chael Sonnen, o perigo de absorção de golpes de Charles pode estar em um risco ainda maior em caso de possível luta diante de Justin Gaethje já que, segundo o ex-lutador e atual comentarista, o norte-americano bate ainda mais forte.

“Se você fosse estudar Charles (do Bronx) Oliveira, vai ter que olhar de perto para ver como poderia vencê-lo. E os números não mentem, já que Charles Oliveira leva muitos golpes e é atingido muito mais do que a maioria dos campeões. Ele não tem o queixo de Chris Leben pelo qual é conhecido. Ele reage como um ser humano normal, ou seja, ele cai e fica ferido. Nada disso é uma crítica a Charles, é algo que temos que estar cientes porque Justin Gaethje é muito bom em machucar as pessoas”, afirmou Sonnen em seu canal oficial no ‘YouTube’.

PUBLICIDADE:

Charles do Bronx vive seu melhor momento e, campeão dos leves (até 70,3kg.), se mostrou um lutador completo. Atualmente, em sua carreira, são 32 triunfos, oito reveses e um ‘no contest’ (luta sem resultado). Ele, inclusive, é o maior recordista de finalizações (15) e colecionador de bônus (18) da história do Utlimate.

Justin Gaethje, por sua vez, é um dos atletas mais agressivos da atualidade na organização e vem de ‘guerra’ contra Michael Chandler no UFC 268. O norte-americano tem um retrospecto de 22 resultados positivos e três negativos, incluindo vitórias expressivas diante de Edson Barboza, Donald Cerrone e Tony Ferguson.

PUBLICIDADE:

Podcast #46: Aquecimento para o UFC 270 com duas disputas de cinturão + Amanda Nunes fora da ATT e Jake Paul rico