Ngannou diz desconhecer motivo de ausência de Dana White após sua vitória no UFC 270

Camaronês ‘ignora’ polêmica e, em tom satírico, afirma que precisa inteirar sobre o porquê de o mandatário não pisar no cage depois de sua luta com Ciryl Gane

F. Ngannou em entrevista pós-luta. Foto: Reprodução/Instagram @ufc_brasil

Definitivamente, a relação entre Dana White e Francis Ngannou está estremecida. Em momento raro após disputas de título, o presidente do Ultimate optou por não subir ao octógono e, portanto, não vestiu o cinturão dos pesados (até 120,2kg.) no camaronês – que havia acabado de defendê-lo no embate diante de Ciryl Gane, válido pelo UFC 270 do último sábado (22).

PUBLICIDADE:

Veja Também

Questionado sobre a polêmica, Ngannou decidiu por não acrescentar mais um episódio. Em entrevista exclusiva pós-evento, o campeão afirmou que desconhece as motivações de Dana por não estar no cage em momento do anúncio.

“Eu não sei. Você (jornalista) teria que perguntar para ele. Eu não sei nada sobre o assunto e eu talvez também tenha que me inteirar sobre isso (risos)”, destacou Ngannou.

PUBLICIDADE:

Antes, inclusive, o mandatário havia cumprido com o protocolo e chegou a vestir o cinturão dos moscas (até 56,7kh.) em Deiveson Figueiredo, que bateu Brandon Moreno na decisão unânime dos juízes, na segunda luta mais importante da noite. Não se sabe, portanto, o que motivou a ausência de Dana no octógono.

Podcast #69: Alex Poatan brilha e Adesanya sai vaiado no UFC 276