Lenda do MMA, Randy Couture prevê batalha judicial entre Francis Ngannou e o UFC

Ex-campeão do Ultimate, o 'The Natural' lamentou a situação vivida pelo líder dos pesados e revela que já viveu situação semelhante, quando atuava pela empresa

R.Couture é ex-campeão do UFC. Foto: Divulgação/UFC

Lenda do MMA e ex-campeão do UFC, Randy Couture deu a sua opinião sobre o imbróglio contratual entre o líder dos pesados (até 120,2kg) Francis Ngannou e o Ultimate. O ‘The Natural’ palpitou que a disputa irá se arrastar para os tribunais e conta que já viveu situação semelhante com a organização, quando lutava profissionalmente. A declaração foi dada em entrevista ao ‘MMA Fighting‘.

PUBLICIDADE:

LEIA MAIS: Joe Rogan vê Borrachinha ainda abalado mentalmente por Adesanya e dá conselho ao brasileiro

Veja Também

“Esses caras (UFC) têm dinheiro infinito, bem, não infinito, mas muito dinheiro. Eles vão arrastar Francis (Ngannou) para o tribunal e tentar sangrá-lo do dinheiro que ele acumulou através de sua luta, e em algum momento, você tem que tomar uma decisão sobre o que você quer fazer. Isto é o que aconteceu comigo. Eu estava brigando para tentar fazer  a luta com Fedor (Emelianenko) acontecer, gastando muito do meu próprio dinheiro lutando contra as liminares e outras coisas que eles estavam tentando fazer para me impedir de executar o que eu vi nas linhas do contrato e poder ir para outro lugar, porque eles não conseguiam chegar a um acordo com a M-1 Global, que estava representando Fedor”, disse Couture.

PUBLICIDADE:

Randy disse que Francis, em breve, irá passar por uma situação semelhante a sua e deu a entender que, no final das contas, ele terá que desistir e voltar a lutar.

“Francis vai se encontrar em uma situação muito semelhante. Se ele tentar se afastar e dizer que o contrato terminou, eles vão contestar isso, eles vão arrastá-lo para o tribunal, forçá-lo a gastar muito dinheiro em advogados, coisa que ele não vai querer fazer, e em algum momento, ele vai ter que tomar uma decisão, se ele quer parar de gastar dinheiro em advogados e questões legais e voltar e fazer o que ele ama fazer, que é lutar. É uma pena estar nessa situação”, finalizou o ‘The Natural’.

PUBLICIDADE:

Após derrotar Ciryl Gane no UFC 270 e se consolidar como campeão linear dos pesados, Ngannou terá que passar por um procedimento cirúrgico e irá se ausentar por cerca de nove meses do octógono. O camaronês segue em ‘guerra’ com a organização e cravou que não vestirá novamente as luvas do Ultimate, caso não receba um reajuste salarial.

PUBLICIDADE:

Podcast #67: Durinho fez o pix para Yanex após nocaute em lutador que falou mal do Brasil + UFC Austin: card do ano