AO VIVO

Acompanhe o UFC 276, com disputas de cinturão e Alex Poatan

John Lineker testa positivo para COVID-19 e luta com Bibiano Fernandes no ONE é cancelada

Válido pelo cinturão dos galos (até 61,2kg.), combate estava previsto para acontecer na próxima sexta-feira (11)

B. Fernandes encara J. Lineker no dia 11 de fevereiro. Foto: Montagem SUPER LUTAS

Escalado para tentar conquistar o cinturão dos galos (até 61,2kg.) do ONE Championship na próxima sexta-feira (11), John Lineker testou positivo para COVID-19 e teve luta com Bibiano Fernandes cancelada. A informação foi divulgada inicialmente pelo ‘MMA Fighting’ e confirmada pela reportagem do SUPER LUTAS.

PUBLICIDADE:

Veja Também

“Infelizmente testei positivo. Estou me sentido super bem, 100%. Saí de São Paulo, fiz o teste – que deu negativo – e embarquei. A gente passa por um novo teste quando chegamos em Cingapura e eu testei positivo. Refiz, mas o resultado foi o mesmo. Eles cancelaram a luta. Não tem previsão para remarcar, mas estou esperando. Infelizmente essas coisas acontecem”, confirmou Lineker em contato com o SUPER LUTAS.

Ainda não se sabe, ao certo, se haverá um substituto ou a luta será reagendada para uma nova data. O combate aconteceria, inicialmente, em dezembro, mas também acabou cancelado pelo aumento no número de casos da COVID-19 no país.

PUBLICIDADE:

Lineker teve ascensão meteórica no ONE e, desde que chegou, somou três triunfos em série – sendo os dois últimos com nocautes. Conhecido como ‘Mãos de Pedra’, o atleta já foi um dos destaques do Ultimate e, agora, tem um cartel de 34 resultados positivos e nove negativos em sua trajetória nas artes marciais mistas.

Aos 41 anos, Bibiano voltaria a atuar depois de mais de dois anos, quando venceu Kevin Belingnon com um mata-leão no segundo round para defender o cinturão da divisão. O manauara, no entanto, esteve em longas negociações com a organização asiática e ficou inativo no período. Em sua carreira, são 28 lutas – com 24 vitórias e quatro derrotas.

PUBLICIDADE:

Podcast #68: Adesanya, Poatan e Volkanovski: Tudo sobre o UFC 276