Às vésperas do UFC 271, Adesanya diz que Poatan tem um ‘longo caminho’ antes de desafiá-lo

Campeão dos médios (até 83,9kg.), nigeriano se defende das duas derrotas sofridas e volta a falar sobre uma terceira luta com brasileiro

I. Adesanya (foto) é campeão dos médios do UFC. Foto: Reprodução/Instagram

Israel Adesanya e Alex Poatan têm um histórico de grande rivalidade no período em que competiam no kickboxing. Porém, às vésperas da quarta defesa de título dos médios (até 83,9kg.) contra Robert Whittaker no UFC 271 do próximo sábado (12), o nigeriano afirmou que há um longo caminho para um possível terceiro combate entre os dois, desta vez no UFC.

PUBLICIDADE:

Veja Também

“Espero que aconteça. Meus treinadores não pensam assim. O cara que ‘acabou comigo’ no kickboxing vem para o MMA tentar fazer a mesma coisa. Eu imploro a vocês, jornalistas, que façam uma pesquisa antes de começarem a falar sobre essa luta. Olhem para a primeira luta (entre nós) e vejam o que aconteceu antes do nocaute na segunda luta. Acho que você nem percebe que o machuquei. Deixe-o trabalhar um pouco no UFC, pois ele está muito longe de me enfrentar”, afirmou Adesanya, em entrevista à ‘TSN’.

Dois dos maiores nomes da história do kickboxing, Poatan e Adesanya se enfrentaram em duas oportunidades no passado. E, em ambas as lutas, o brasileiro venceu – sendo um nocaute (2016) e uma decisão dos juízes (2017).

PUBLICIDADE:

Quatro anos depois, o nigeriano se encontra como campeão dos médios do UFC, enquanto Alex estreou na organização em novembro de 2021, ao bater Andreas Michailidis no UFC 268.

Podcast #68: Adesanya, Poatan e Volkanovski: Tudo sobre o UFC 276