Líder da ‘ATT’ foge de polêmicas e diz que saída de Amanda Nunes pode estar ligada à aposentadoria

Dan Lambert afirma que apoiou a mudança e reafirma desejo da 'Leoa' em se tornar treinadora

A. Nunes (centro) e sua antiga equipe na ‘American Top Team’. Foto: Reprodução/Instagram

Dono da academia ‘American Top Team’, Dan Lambert falou sobre a saída de Amanda Nunes para criar sua nova equipe. Em entrevista ao ‘MMA Junkie’, o líder decidiu por não polemizar, apoiou a decisão da ‘Leoa’ e revelou que a possível saída pode estar ligada ao desejo da brasileira de se tornar treinadora após encerrar sua carreira.

PUBLICIDADE:

Veja Também

“Desde que seja algo benéfico para nós e o lutador, fazemos grandes coisas juntos. Mas se já não é bom para nós e alguém tem que seguir em frente, nós temos uma política de ‘portes abertas’, pois se alguém não deseja estar na academia, não vai à academia. E Amanda (Nunes) decidiu que gostaria de começar sua preparação em um novo lugar e ser treinadora. Talvez seja algu que ela queira estabelecer para depois de se aposentar. Ela tem meu apoio e espero que se saia bem”, declarou Dan.

A brasileira, junto à ‘American Top Team’, fez história no MMA feminino. Na academia, ela conquistou os títulos das categorias das galos (até 61,2kg.) e penas (até 65,7kg.). Na segunda, Amanda ainda figura no topo absoluto da divisão. A ‘Leoa’ é apontada, por muitos, como a maior lutadora da história do esporte.

PUBLICIDADE:

O pontapé inicial da nova preparação de Nunes para um confronto será imediato. A combatente será uma das treinadoras da 30ª do ‘The Ultimate Fighter’ e, ao fim da temporada, enfrentará Julianna Peña, responsável por destronar a ‘Leoa’ no peso galo (até 61,2kg.).

Podcast #68: Adesanya, Poatan e Volkanovski: Tudo sobre o UFC 276