AO VIVO

Acompanhe o UFC 276, com disputas de cinturão e Alex Poatan

Com o irmão Zabit no córner, Khasan Magomedsharipov domina rival e mantém invencibilidade no Bellator 275

Peso pena de 21 anos ‘sobra’ contra Jose Sanchez e atinge a marca de sete vitórias consecutivas como profissional no MMA

K. Magomedsharipov aplica queda em J. Sanchez. Foto: Reprodução/Twitter @BellatorMMA

Sem show, mas com domínio total. Irmão de Zabit, destaque do UFC, Khasan Magomedsharipov provou que, com apenas 21 anos, está no caminho certo no MMA. Destaque do Bellator 275, realizado nesta sexta-feira (25), em Dublin (IRL), o russo sobrou diante de Jose Sanchez, 10 anos mais velho, e faturou o triunfo na decisão unânime dos juízes.

PUBLICIDADE:

Veja Também

Com a vitória, Magomedsharipov manteve a invencibilidade na carreira. O peso pena (até 65,7kg.), agora, tem sete triunfos em sequência e duas vitórias com as luvas do Bellator.

Mais experiente, Sanchez entrou com um plano nítido para enfrentar Khasan. Apostando na luta agarrada, o espanhol acabou sendo superado em sua própria estratégia. Frustrado contra o rival, Jose acabou perdendo o segundo compromisso em sua trajetória nas artes marciais mistas.

PUBLICIDADE:

A luta

O confronto começou com Sanchez buscando as pernas do russo para tentar levar o rival para o chão. Khasan se defendeu bem e conseguiu se afastar do adversário. Jose seguiu insistindo na luta agarrada e pressionava Magomedsharipov contra as grades. O irmão de Zabit voltou a se desvencilhar, mas pouco produzia no embate. Após tentativas, foi Jose quem acabou derrubado. No minuto final, Magomedsharipov caiu em posição de vantagem e ensaiava uma finalização. O assalto acabou com o russo por cima, mas sem muita ação.

Na segunda etapa, Khasan tomou a iniciativa do embate, com uma sequência de chutes na base e linha de cintura de Jose. Sanchez voltou a tentar uma queda, mas Magomedsharipov reverteu a situação e castigava o oponente com joelhadas próximo às grades. Khasan conseguiu cinturar o oponente e levou o adversário para a lona. O russo tentava chegar às costas e golpeava o espanhol, buscando encerrar o embate. Perto do minuto final, Khasan castigava o adversário, que tentava ficar de pé. O russo controlava com facilidade o embate, enquanto Jose apenas se protegia. Perto de acabar a etapa, os atletas se afastaram, mas não havia mais tempo.

PUBLICIDADE:

A terceira etapa começou com Jose tentando encurtar e buscando as pernas do russo. Kashan voltou a se defender e, como no round anterior, reverteu e derrubou o espanhol. Magomedsharipov continuava controlando o oponente, que não conseguia se recuperar no confronto. No minuto final, o russo seguia por cima, mas sem contundência nos ataques. O embate acabou com Khasan em posição de domínio.

PUBLICIDADE:

Abou Tounkara sofre lesão e perde por desistência

A. Tounkara lamenta a lesão sofrida no Bellator 275. Foto: Reprodução/Twitter @BellatorMMA

Estreante no show, Abou Tounkara acabou não tendo o debute dos sonhos na organização. Adversário de Ciaran Clark, atleta ‘da casa’, o francês não teve a oportunidade de mostrar suas qualidades pelos três rounds previstos. Ao fim da primeira etapa, o combatente acusou uma lesão no ombro e foi impedido de retornar ao embate.

Com o resultado, Abou não consegue vencer a primeira com as luvas do Bellator. O atleta, agora, soma dois tropeços em sequência.

Vitorioso diante de sua torcida, Clark não deixou de comemorar o triunfo. ‘Cria’ do Bellator, o irlandês amplio o bom momento e chega a cinco triunfos consecutivos pela organização.

Jornel Lugo mantém invencibilidade em luta morna

J. Lugo (esq.) derrotou B. Moore (dir.) no Bellator 275. Foto: Reprodução/Instagram

A luta que abriu o card principal do Bellator 275 não emocionou. Em disputa realizada no peso galo (até 61,2kg.), Jornel Lugo subiu no cage circular para enfrentar o ‘atleta da casa’, Brian Moore. Após três rounds equilibrados, o norte-americano acabou convencendo os três juízes laterais e levou o triunfo na decisão unânime.

Com o resultado positivo, Lugo defendeu a nona posição na divisão liderada por Sergio Pettis. Além de manter o posto, o combatente ampliou sua invencibilidade na carreira. Agora, o lutador soma oito vitórias e nunca amargou uma derrota.

Amparado pela torcida presente na ‘3Arena’, Moore não conseguiu tirar proveito da maior experiência como profissional no MMA. O tropeço do irlandês marca a segunda derrota consecutiva de Brian no Bellator.

Resultados do Bellator 275

CARD PRINCIPAL

Peso meio-médio (até 77kg.): Gegard Mousasi derrotou Austin Vanderford por nocaute técnico a 1m25s do R1 – Luta pelo cinturão

Peso pena (até 65,7kg.): Sinead Kavanagh derrotou Leah McCourt na decisão unânime dos juízes (29-28, 30-27, 29-28)

Peso pena (até 65,7kg.): Ciaran Clarke derrotou Abou Tounkara por nocaute técnico (desistência por lesão) a 5m do R1

Peso pena (até 65,7kg.): Khasan Magomedsharipov derrotou Jose Sanchez na decisão unânime dos juízes (30-26, 30-27, 30-27)

Peso galo (até 61,2kg.): Jornel Lugo derrotou Brian Moore na decisão unânime dos juízes (30-27, 29-28, 29-28)

CARD PRELIMINAR

Peso galo (até 61,2kg.): Brett Johns derrotou Khurshed Kakhorov por nocaute técnico a 3m do R3

Peso leve (até 70,3kg.): Davy Gallon derrotou Charlie Leary por nocaute técnico a 3m01s do R2

Peso palha (até 52,1kg.): Stephanie Page derrotou Danni McCormack por nocaute técnico a 1m46s do R1

Peso leve (até 70,3kg.): Darragh Kelly finalizou Junior Morgan com uma guilhotina a 1m47s do R1

Peso leve (até 70,3kg.): Vladimir Tokov derrotou Daniele Scatizzi na decisão unânime dos juízes (29-28, 29-28, 28-28)

Peso pesado (até 120,2kg.): Gokhan Saricam derrotou Kirill Sidelnikov  na decisão unânime dos juízes (30-27, 30-27, 30-27)

Peso pena (até 65,7kg.): Nathan Kelly derrotou Scott Pedersen na decisão unânime dos juízes (30-27, 29-28, 29-28)

Peso pena (até 65,7kg.): Lee Hammond derrotou Jamie Hay por nocaute técnico a 3m32s do R1

Podcast #68: Adesanya, Poatan e Volkanovski: Tudo sobre o UFC 276