Jorge Masvidal polemiza e acusa Colby Covington de furtar Jon Jones nos tempos de faculdade

Antigo amigo do adversário no UFC 272, ‘Jesus das Ruas’ levanta história do passado na semana de confronto com rival

J. Masvidal e C. Covington se enfrentam no UFC 272. Foto: Montagem SUPER LUTAS

Na semana de uma das suas lutas mais importantes no Ultimate, Jorge Masvidal resolveu abrir o ‘livro de recordações’. Adversário de Colby Covington no UFC 272, que acontece neste sábado (5), ‘Jesus das Ruas’ voltou a levantar polêmicas contra o antigo melhor amigo. Desta vez, o combatente acusou o ex-parceiro de treinos de furtar Jon Jones nos tempos de faculdades.

PUBLICIDADE:

Veja Também

Jon Jones me alertou inúmeras vezes. Eu e Jon Jones não éramos próximos. Não nos falávamos muito, mas ele me mandou mensagens por meio de nosso empresário, na época. ‘Fique de olho neste cara. Ele roubou minhas roupas. Minhas roupas nem servem nele. Ele me roubou dinheiro quando nós saímos do quarto’. Nunca mais conversei com ele (Jones) depois disso”, declarou Masvidal, em entrevista à ‘ESPN’.

Depois de acusar o antigo parceiro de treinos, Jorge seguiu. Após divulgar a suposta polêmica com Jon, o dono do cinturão de ‘Mais Casca-Grossa’ questionou a coragem de Colby.

PUBLICIDADE:

“Sabe o que aconteceria se ele fosse pego por Jon Jones? Ele deixaria o quarto correndo, mas, se estivesse no Twitter, ele provocaria. (…) Não posso respeitar isso. Se vai dizer algo, sustente. Seja no Twitter ou pessoalmente. Ele é um covarde. Mal posso esperar para colocar um fim neste charlatão”, encerrou.

Destaques dos meio-médios do Ultimate, Covington e Masvidal encabeçam o UFC 272. Antes amigos e, agora, inimigos, os atletas levarão as diferenças para o octógono neste fim de semana.

Podcast #68: Adesanya, Poatan e Volkanovski: Tudo sobre o UFC 276