Treinador defende ida de Dustin Poirier à divisão dos meio-médios

Mike Brown, um dos técnicos do norte-americano na American Top Team, defendeu a ideia e cravou que o seu pupilo irá se sair bem na nova faixa de peso

D. Poirier em preparação para a sua última luta. Foto: Reprodução/Instagram @ufc_brasil

Ex-campeão interino dos leves (até 70,3kg) e derrotado recentemente na disputa do título linear, Dustin Poirier pode acabar fazendo suas próximas apresentações em uma nova faixa de peso. Um de seus treinador na American Top Team, Mike Brown, defendeu a migração do ‘Diamante’ para a divisão dos meio-médios (até 77,1kg) e acredita que o seu pupilo não ficará em desvantagem física na possível nova categoria.

PUBLICIDADE:

LEIA MAIS: Dana White deixa em aberto a possibilidade de Logan Paul competir no UFC

Veja Também

“Ele é muito grande para os meio-médios. Está ficando difícil de bater o peso-leve. Eu não tenho certeza, mas acho que ele poderia ser um meio-médio melhor do que um leve. O tempo dirá, mas ele definitivamente não é pequeno para um meio-médio”, disse Mike Brown.

PUBLICIDADE:

Campeão interino dos leves em 2019, Poirier falhou nas duas tentativas que teve de conquistar o título linear. No primeiro duelo, contra Khabib Nurmagomedov, o norte-americano foi finalizado no terceiro round. Pouco mais de dois anos, Dustin teve uma nova oportunidade e foi derrotado pelo mesmo método, dessa vez, para o brasileiro Charldes Do Bronx. O ‘Diamante’ possui um cartel de 28 triunfos e sete reveses no MMA profissional.

Podcast #69: Alex Poatan brilha e Adesanya sai vaiado no UFC 276