Manon Fiorot se diz pronta para destronar Valentina Shevchenko, mas pede mais uma luta

Invicta há nove lutas, a francesa superou a brasileira Jennifer Maia no UFC Columbus, disputado no último sábado (26)

M. Fiorot garantiu se sentir pronta para destronar V. Shevchenko (Foto: Montagem/SUPER LUTAS)

Vista como um dos nomes mais promissores do MMA feminino, Manon Fiorot acredita estar pronta para destronar a campeã Valentina Shevchenko em uma eventual disputa de cinturão do peso mosca (até 56,7 kg). A francesa de 32 anos superou a brasileira Jennifer Maia na decisão unânime dos juízes em duelo realizado no UFC Columbus, no último sábado (26).

PUBLICIDADE:

Veja Também

277393855_313404750890319_7433076742153220815_n

Em coletiva de imprensa realizada após o evento, Fiorot, que não perde uma luta desde sua estreia no MMA profissional, em 2018, garantiu que se sente pronta para destronar Valentina Shevchenko, mas que prefere realizar mais uma luta antes de uma eventual disputa de título.

“Estou bem convicta de que eu poderia vencê-la (Valentina Shevchenko) agora. Mas, para ter mais certeza e ficar mais relaxada, quero vencer mas uma luta para me sentir em casa no octógono do UFC”, disse a francesa.

PUBLICIDADE:

Após a vitória sobre Jennifer Maia, Manon Fiorot citou Katlyn Chookagian, segunda colocada no ranking da divisão, como oponente ideal para sua próxima exibição.

“Acho que o casamento com Chookagian é bom porque vamos ver quem é a melhor striker da divisão. Depois disso, por que não ir atrás do título?”, disse a lutadora.

PUBLICIDADE:

Caso queira realmente medir forças com Katlyn Chookagian, Manon Fiorot terá que esperar alguns meses. A australiana tem luta marcada contra a brasileira Amanda Ribas no dia 14 de maio.

PUBLICIDADE:

Podcast #67: Durinho fez o pix para Yanex após nocaute em lutador que falou mal do Brasil + UFC Austin: card do ano