AO VIVO

Poatan massacra no UFC 276 e chega em Adesanya. SUPER LUTAS debate

Alexander Volkanovski avalia opções e freia desejo de Henry Cejudo em disputar cinturão dos penas

Australiano diz que 'Triplo C' precisa se provar na divisão até 65,7kg. antes de ter uma oportunidade pelo título

H. Cejudo (dir.) pode voltar ao MMA em luta contra A. Volkanovski (esq.). Foto: Reprodução/Instagram

Aposentado desde maio de 2020, Henry Cejudo voltou ao programa de testes da USADA (Agência de Antidoping Americana) e deixou claro que pretende se testar nos penas (até 65,7kg.) já para desafiar Alexander Volkanovski pelo cinturão da divisão em sua luta de retorno. No entanto, para o australiano, o ‘Triplo C’ precisa provar que merece a oportunidade de enfrentá-lo.

PUBLICIDADE:

Veja Também

“Eu sei que ele tem muitas conquistas. Eu o respeito. Porém, há quanto tempo ele me desafia? Ele voltou ao programa de testes (da USADA) agora. Se você sabe que não pode lutar, por que está desperdiçando energia? E por que eu deveria desperdiçar meu fôlego com isso? Então é por isso que eu não levava isso muito a sério”, disse Alexander em entrevista ao ‘The MMA Hour’.

Com o triunfo mais recente, contra Zumbi Coreano no UFC 273, Volkanovski conquistou sua terceira defesa de título e ampliou seu legado nos penas. Além do feito, o lutador atingiu a marca de 21 vitórias consecutivas em sua trajetória no MMA, tendo vencido nomes como Max Holloway (2x), José Aldo e Chad Mendes.

PUBLICIDADE:

Considerado um dos maiores lutadores dos últimos anos do Ultimate, Cejudo se aposentou com apenas 33 anos, mas ensaia sua volta à organização. Henry pendurou as luvas com um cartel de 16 triunfos e dois reveses no MMA profissional e, agora, afia o jogo de atletas como Deiveson Figueiredo, Jon Jones e Jiri Prochazka na ‘Fight Ready’.

Podcast #68: Adesanya, Poatan e Volkanovski: Tudo sobre o UFC 276