Após desfecho inesperado, Corey Anderson pede urgência em confirmação de revanche com Vadim Nemkov

Responsável por cabeçada não intencional que resultou no ‘no contest’, norte-americano busca reeditar combate ‘o mais rápido possível’

C. Anderson (foto) é uma das estrelas do Bellator. Foto: Reprodução/Instagram

Responsável pelo anticlímax do Bellator 277, Corey Anderson tem pressa para a confirmação de sua revanche contra Vadim Nemkov. Em coletiva após o espetáculo da última sexta-feira (15), o norte-americano afirmou que aguardará o contrato para uma nova disputa de cinturão nos meio-pesados (até 93kg.). A luta contra o campeão foi interrompida após uma cabeçada não intencional provocar um corte profundo que impossibilitou o campeão de seguir no combate.

PUBLICIDADE:

Veja Também

“Quero a revanche o mais rápido possível. (…) Tenho certeza de que tentarão adiar o máximo possível, até para 2023, mas espero que não. Quero o reencontro para que eu possa pegar o dinheiro e seguir em frente. (…) Eu sei que eu sou o campeão. Vocês podem dizer o que quiserem, mas vocês viram o que aconteceu em 15 minutos. O primeiro round foi equilibrado, mas os dois da sequência não tem como marcar para ele (Nemkov). Eu sou o campeão”, garantiu.

No Bellator 277, Anderson não disputava apenas o cinturão dos meio-pesados. O ex-UFC também lutava pelo cheque de US$1 milhão (cerca de R$4,7 milhões), entregue ao campeão do torneio da divisão.

PUBLICIDADE:

Com o anticlímax no combate co-principal, que terminou em ‘no contest’ o Grand Prix segue sem vencedor. Assim, o prêmio também não foi entregue a nenhum dos atletas.

Pela regra, como o confronto acabou ‘sem vencedor’, Nemkov segue com o título da categoria.

Podcast #69: Alex Poatan brilha e Adesanya sai vaiado no UFC 276