Glover diz que encara ‘qualquer um’ caso UFC marque revanche pelo cinturão dos meio-pesados

Brasileiro aguarda o vencedor da luta entre Jon Jones e Alexander Gustafsson, no UFC 165, para saber quem será seu adversário pelo título da categoria

G. Teixeira (foto) já pensa em sua próxima luta pelo Ultimate. Foto: Josh Hedges/UFC

G. Teixeira (foto) não quer esperar por revanche entre Jones e Gustafsson. Foto: Josh Hedges/UFC

Glover Teixeira garantiu o direito de ser o próximo desafiante ao cinturão dos meio-pesados do UFC contra o vencedor de Jon Jones, atual campeão, e Alexander Gustafsson, que se enfrentam no próximo dia 21. Mas apesar da posição assegurada, o brasileiro não descarta enfrentar outro oponente caso uma revanche entre o norte-americano e o sueco seja agendada.

“Se os dois tiverem uma revanche, eu gostaria de lutar contra um top da categoria, para me manter ocupado. Estou bem preparado e não posso perder tempo”, afirmou Teixeira, em entrevista ao site norte-americano MMA Junkie.

Apesar de revelar que gostaria de uma luta em caso de revanche, Glover ainda revelou que aposta na vitória do atual campeão.”Eu acredito que Jon vai vencer essa luta, e espero que ele ganhe”, disse Glover, que aposta no jogo de quedas do campeão como chave para a vitória. “Acho que ele (Jones) vai ganhar no chão, essa luta não chega a cinco rounds. O Gustafsson é um grande lutador em pé, mas acho o Jon muito inteligente e um melhor wrestler para derrubá-lo e vencê-lo no chão”, completou.

Glover garantiu o direito de primeiro desafiante ao nocautear Ryan Bader no UFC Fight Night 28, realizado no último dia 4, em Belo Horizonte.  Já o combate entre Jon JonesAlexander Gustafsson será a atração principal do UFC 165, evento que acontece no próximo dia 21, em Toronto, no Canadá. No mesmo card, o brasileiro Renan Barão defende o cinturão interino dos galos contra Eddie Wineland.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments