Apesar de vitória, Andrei Arlovski surpreende e se diz frustrado por atuação no UFC Vegas 53

Veterano, que venceu Jake Collier por pontos, confessa ter 'sentido medo' de perder nas 'papeletas'

A. Arlovski em entrevista pós-evento. Foto: Reprodução/YouTube

Andrei Arlovski saiu com os braços erguidos, mas não está feliz com sua atuação no combate diante de Jake Collier na segunda luta mais importante do UFC Las Vegas 53, evento que aconteceu no último sábado (30). Em entrevista pós-evento, o veterano admite que ficou surpreendido com pressão de adversário e se diz chateado pela apresentação.

PUBLICIDADE:

Veja Também

“Eu estava com medo de perder (na pontuação), pois não segui meu plano de jogo, como 99% das vezes que luto. Estou super chateado. Eu estava realmente preocupado quando um dos juízes deu três rounds para Jake (Collier). Fui surpreendido por ele ter me colocado pressão durante três rounds e eu esperava que ele caísse de rendimento e isso não aconteceu’’, disse Arlovski.

Arlovski saiu vencedor na decisão dividida dos juízes e sugeriu ter pensado que havia perdido, assim que o anunciador do UFC, Bruce Buffer, começou a ler as papeletas sobre o resultado.

PUBLICIDADE:

“Comecei a me culpar por não ter seguido o plano de jogo e pensei: ‘Qual é, cara. Era só ter seguido o plano de jogo’, mas no final das contas deu certo. Eu vou tirar uma folga de 45 dias para depois decidir sobre meu próximo passo”, finalizou.

Veterano na organização, Andrei Arlovski bateu dois recordes no combate. O bielorrusso, agora, é o lutador com mais lutas e vitórias na história do Ultimate, ao lado de Jim Miller. Em sua carreira, são 33 resultados positivos, 20 negativos e duas lutas ‘sem resultado’.

PUBLICIDADE:

Podcast #67: Durinho fez o pix para Yanex após nocaute em lutador que falou mal do Brasil + UFC Austin: card do ano