Derrotado no UFC 274, Gaethje mostra humildade e agradece Do Bronx por ‘batalha’ no octógono

Norte-americano, que foi finalizado com um mata-leão no primeiro round, parabeniza brasileiro por vitória no UFC 274

J. Gaethje foi derrotado no UFC 274. Foto: Reprodução/Instagram @justin_gaethje

No último sábado (7), Justin Gaethje ‘bateu na trave’ e, pela segunda vez, não conseguiu se tornar campeão dos leves (até 70,3kg.) do UFC. Porém, apesar de ter sido finalizado por Charles do Bronx no UFC 274, o norte-americano reconheceu a qualidade do brasileiro e mostrou humildade ao agradecê-lo pela ‘batalha’ feita na luta principal da noite.

PUBLICIDADE:

Veja Também

“Nome do jogo. Agradeço todo o amor. Parabéns para Charles (do Bronx)”, escreveu Gaethje em sua página oficial no ‘Twitter’.

A luta, em questão, durou apenas um round, mas foi o suficiente para animar os fãs de MMA. Gaethje teve bons momentos e chegou a aplicar dois knockdowns em Charles, mas não prosseguiu na sequência para nocautear. Posteriormente, o norte-americano foi surpreendido com um direto que o fez sentir e viu o brasileiro – que é o maior finalizador da história do UFC – pegar um mata-leão.

PUBLICIDADE:

O revés foi o quarto de Justin na carreira, que não tem sucesso em nova chance pelo título. Antes, na carreira, o atleta havia se tornado campeão interino, mas não conseguiu unificar contra Khabib Nurmagomedov e também foi finalizado pelo russo. Aos 33 anos, ele também conta com 23 vitórias em seu retrospecto.

Podcast #68: Adesanya, Poatan e Volkanovski: Tudo sobre o UFC 276