AO VIVO

Siga o UFC Las Vegas 57 com três brasileiros. AO VIVO

Ferguson desabafa após sofrer ‘atropelo’ histórico no UFC 274, mas descarta aposentadoria do MMA; confira

Veterano se manifesta após ser brutalmente nocauteado por Michael Chandler no card principal do último sábado

T. Ferguson (dir.) após derrota no UFC 274. Foto: Reprodução/Twitter @TonyFergusonXT

Vítima do ‘nocaute do ano’ no MMA, até o momento, Tony Ferguson se manifestou após o atropelo sofrido diante de Tony Ferguson no UFC 274. Duramente ‘apagado’ em uma das lutas mais aguardadas do evento do último sábado (7), o veterano usou as redes sociais para tratar do momento delicado na carreira. Sincero, o peso leve (até 70,3kg.) aproveitou o espaço para parabenizar o rival e descartar a aposentadoria do esporte.

PUBLICIDADE:

Veja Também

“Parabéns a Michael Chandler pela vitória no UFC 274. Me diverti muito no octógono. Vocês, fãs, são selvagens. Eu amo isso”, escreveu Ferguson, em sua conta no ‘Twitter’.

Em seu pior momento na carreira dentro das artes marciais mistas, Tony não pensa em encerrar a carreira. Com quatro derrotas consecutivas, o atleta garante que seguirá se apresentando.

PUBLICIDADE:

“Me sinto bem por estar de volta, e faminto de novo. Estamos apenas começando”, encerrou.

No último fim de semana, Tony subiu no octógono pressionado por um resultado positivo. Sem vencer um confronto há quase três anos, o veterano chegou perto de nocautear o adversário no primeiro round, mas acabou sucumbindo à técnica de Michael logo no começo da segunda etapa.

PUBLICIDADE:

PUBLICIDADE:

Podcast #67: Durinho fez o pix para Yanex após nocaute em lutador que falou mal do Brasil + UFC Austin: card do ano