Após batalha no UFC 165, Jones e Gustafsson tem suspensão médica de 60 dias

Lutadores deverão apresentar exames da cabeça após a épica batalha no UFC 165, em Toronto

Jones X Gustafsson LUTAA batalha entre Jon JonesAlexander Gustafsson no UFC 165, evento realizado no último sábado (21), em Toronto, deixou marca nos atletas. A Comissão Atlética de Ontário, entidade que sancionou o show, divulgou as suspensões médicas e tanto Jones como Gustafsson estão afastados por 60 dias.

De acordo com o relatório, após o gancho eles terão que apresentar uma ressonância magnética do crânio para garantir que não existe nenhum tipo de trauma. Além disso, o campeão também deverá encaminhar ao órgão regulador um raio-x da cabeça.

Entre os brasileiros, Renée Forte foi o único e pegar um gancho. O cearense, que foi nocauteado por John Makdessi no show, foi suspenso por 30 dias. Já Wilson Reis, Michel Trator e Renan Barão, que venceram suas lutas no evento, receberam a suspensão preventiva de 14 dias.

Confira abaixo a lista completa das suspensões médicas do UFC 165:

Jon Jones: Suspenso 60 dias. Deve apresentar ressonância magnética e raio-x do crânio

Alexander Gustafsson: Suspenso 60 dias. Deve apresentar ressonância magnética do crânio

Eddie Wineland: Suspenso 60 dias. Deve apresentar ressonância magnética do crânio

Matt Mitrione: Suspenso 30 dias. Deve apresentar ressonância magnética do crânio

Mike Ricci: Suspenso 30 dias. Deve apresentar raio-x do crânio

Chris Clements: Suspenso 60 dias. Deve apresentar ressonância magnética do crânio

Renée Forte: Suspenso 60 dias. Deve apresentar ressonância magnética do crânio

Nandor Guelmino: Suspenso 60 dias. Deve apresentar ressonância magnética do crânio

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments