AO VIVO

Siga o UFC Las Vegas 57 com três brasileiros. AO VIVO

Khabib admite interesse em trabalhar com Bellator por luta entre Júnior Cigano e Fedor Emelianenko

Em coletiva de imprensa para divulgação do ‘Eagle FC’, que acontece na próxima sexta-feira (20), Nurmagomedov revela planos, caso brasileiro passe por Yorgan de Castro

J. Cigano pode enfrentar F. Emelianenko (dir.) na despedida do russo no MMA. Foto: Reprodução/Montagem SUPER LUTAS

Júnior Cigano prepara por sua estreia no ‘Eagle FC’ da próxima sexta-feira (20) em combate diante de Yorgan de Castro. O presidente da organização e ex-lutador, Khabib Nurmagomedov, revelou que já tem planos para que o brasileiro enfrente Fedor Emelianenko, em parceria com o Bellator, em um futuro próximo.

PUBLICIDADE:

Veja Também

“Se (Junior Cigano) Dos Santos vencer, eu realmente quero fazer Dos Santos x Fedor. Ele tem que se concentrar em Yorgan na próxima porque, na próxima sexta-feira, ele tem um adversário difícil. Mas quero falar com meu amigo Scott Coker (presidente do Bellator), pois Fedor está sob contrato com o Bellator. Eu não sei o que eles vão fazer a seguir com ele, mas definitivamente podemos conversar e criar algumas boas histórias”, disse Khabib em evento de divulgação do ‘Eagle FC’.

Em seguida, Nurmagomedov também fez questão de colocá-los como dois dos maiores nomes da história dos pesados (até 120,2kg.). O mandatário afirmou que os fãs do esporte merecem ver o duelo acontecer.

PUBLICIDADE:

“Por que não? Esses dois lutadores eram a cara do MMA. Fedor é o maior lutador de todos os tempos, na minha opinião. E Dos Santos foi campeão por alguns anos no UFC. Esses dois caras eles merecem e os fãs também. É um confronto muito interessante”, concluiu.

Perto de fazer 46 anos, Fedor Emelianenko tem apenas mais uma luta do contrato atual com o Bellator e declarou não ter interesse em seguir no esporte. Lenda dos pesados (até 120,2kg.), o russo fez história no PRIDE e conta com um cartel de 40 vitórias, seis derrotas na carreira e um ‘no contest’.

PUBLICIDADE:

Já Cigano tem sequência negativa de quatro nocautes seguidos e não atua desde dezembro de 2020, mas volta às artes marciais mistas no evento de Khabib Nurmagomedov. Ele soma um histórico de 21 resultados positivos e nove negativos.

PUBLICIDADE:

Podcast #67: Durinho fez o pix para Yanex após nocaute em lutador que falou mal do Brasil + UFC Austin: card do ano