Antes do UFC 276, Jarred Cannonier reclama de menosprezo por parte dos fãs e de Israel Adesanya

Ás vésperas de sua luta pelo cinturão dos médios, o norte-americano criticou o campeão e o acusou de não respeitá-lo da forma devida

J. Cannonier posa para foto na semana do UFC 276 (Foto: Instagram/@ufc)

Às vésperas da luta mais importante de sua carreira, o peso médio (até 83,9kg) Jarred Cannonier acredita que não está sendo respeito como um verdadeiro desafiante. Em entrevista ao ‘Combate’, o norte-americano reclamou de menosprezo por parte dos fãs e do próprio campeão Israel Adesanya, que já começou a falar sobre um confronto futuro contra o brasileiro Alex Poatan.

PUBLICIDADE:

Veja Também

Acho que sim (há um menosprezo em relação à minha luta), mas, de novo, não estou me preocupando com o que as pessoas estão falando, como estão falando, e nem mesmo (o que diz) Israel. Eu não estou me preocupando nem com o que ele está falando. Ele pode estar falando sobre mim, pode estar falando sobre Alex Pereira, pode estar falando sobre Papai Noel ou Jesus Cristo, eu não ligo, isso não está na minha mente, não é algo que estou pensando. De novo, só estou preocupado em estar preparado para essa luta. Se eu estou focado nisso, não ligo para as outras coisas que estão falando”, disse Cannonier.

Número dois do ranking, Cannonier vive bom momento na carreira com cinco vitórias em suas últimas seis lutas. Seu único revés nesse intervalo foi para o ex-campeão Robert Whittaker, em outubro de 2020. O norte-americano possui um cartel de 15 triunfos e cinco derrotas.

PUBLICIDADE:

Podcast #73: MAIOR DE TODAS? Amanda Nunes volta a reinar no UFC