Às vésperas de luta com Dos Anjos, Fiziev ‘troca farpas’ com Conor McGregor nas redes sociais

Quirguiz, que luta neste sábado (9), respondeu comentários do irlandês sobre técnica em lutas passadas

R. Fiziev (esq.) trocou farpas com C. McGregor (dir.) no Twitter. Foto: Montagem SUPER LUTAS

Escalado para enfrentar Rafael dos Anjos no UFC Las Vegas 58 do próximo sábado (9), Rafael Fiziev já está com a mira apontada para outro lutador dos leves (até 70,3kg.). O lutador, em seu ‘Twitter’ oficial, trocou farpas com Conor McGregor e, de forma irônica, convidou o irlandês para tentar treinar com ele em usa academia.

PUBLICIDADE:

“Conor, convido você para a Tiger Muay Thai, onde poderemos mostrar como cjutar e defender os chutes corretamente para que você possa parar de viver no mundo da fantasia, onde acha que é possível acertar um ‘chute de machado’ nessa situação”, disse Fiziev a McGregor.

Veja Também

O comentário, em questão, foi feito em referência ao post de McGregor, que reagia às defesas de chutes feitas por Fiziev em lutas do passado. O irlandês havia sugerido um ‘chute de machado’ – técnica do Taekwondo que consiste em aplicar golpe com o calcanhar em seu adversário. Conor, no entanto, não demorou para responder e, além de pedir por respeito, afirmou que Rafael ainda não fez nada para o esporte.

PUBLICIDADE:

“Não estou desrespeitando. Estou lhe dizendo, eu enfrentei muito esse hábito de defesa no meu tempo, onde eu sabia que cada chute alto que eu jogava estava sendo puxado para trás e atingindo o ar. Eu então comecei a mudar para um ‘chute de machado’ e tive grande sucesso. Obrigado pela oferta. Quando estiver na Tailândia irei com certeza! Não desrespeite que você ainda não fez nada significativo neste esporte. Boa sorte em sua próxima luta”, respondeu Conor.

Dono de um cartel de 11 vitórias e uma derrota, Rafael Fiziev foi derrotado em sua estreia no Ultimate, em 2019, mas de lá para cá emplacou cinco vitórias consecutivas, a última sobre Brad Riddell, em dezembro.

PUBLICIDADE:

Podcast #74: O Adeus trágico a Leandro Lo +Derrotas brasileiras no UFC Vegas 59