Moreno revela desejo de se manter ativo e coloca em dúvida quarta luta com Deiveson: ‘Não vou esperar’

Brandon projeta nova apresentação em dezembro, caso passe por Kai Kara-France no UFC 277; ele cogita enfrentar vencedor de Alexandre Pantoja e Alex Perez

B. Moreno luta pelo cinturão interino dos moscas no UFC 277. Foto: Reprodução/Instagram @ufc

O foco de Brandon Moreno é estar ativo e lutar pelo cinturão dos moscas (até 56,7kg.), ainda que pese o reinado de Deiveson Figueiredo. Às vésperas de luta no UFC 277 que define o título interino contra Kai Kara-France, o mexicano declarou que não deseja esperar por uma quadrilogia contra o brasileiro e, caso fature o posto momentâneo, pode defendê-lo diante de outro atleta da divisão.

PUBLICIDADE:

“Não me importo com Deiveson. Meu plano pessoal é estar saudável para essa luta. Se nada de ruim acontecer e eu não estiver lesionado, meu plano é lutar em dezembro antes do final do ano. Se Deiveson não estiver pronto, posso lutar contra o vencedor deste sábado, (Alexandre) Pantoja x (Alex) Perez, facilmente”, disse Moreno no ‘media day’.

Veja Também

Apesar de deter o cinturão da categoria, Deiveson ainda não tem data programada para retorno após uma lesão na mão e flerta com possibilidade de subir aos pesos galos (até 61,2kg.).

PUBLICIDADE:

Já Brandon ajusta os últimos detalhes para uma revanche com Kara-France, tendo já o vencido em dezembro de 2019, na decisão unânime dos juízes. De lá para cá, Moreno entrou em ação cinco vezes, com três vitórias, um empate e uma única derrota. Neste período, o mexicano se tornou campeão dos moscas ao vencer Deiveson Figueiredo, mas perdeu o cinturão na trilogia contra o brasileiro.

Podcast #73: MAIOR DE TODAS? Amanda Nunes volta a reinar no UFC