WSOF oficializa contratação de Toquinho

Brasileiro, de 33 anos, chega a nova organização após demissão do UFC

 

Toquinho (foto) foi confirmado como atleta do WSOF. Foto: Josh Hedges/UFC

Toquinho (foto) foi confirmado como atleta do WSOF. Foto: Josh Hedges/UFC

Um mês e meio após sua demissão pelo Ultimate, Rousimar “Toquinho” Palhares já é oficialmente atleta de outro evento. Na noite desta segunda-feira (25), após algumas semanas de especulação, o presidente do World Series of Fighting Ray Sefo anunciou oficialmente a contratação de Toquinho.

“Rousimar (Toquinho) é um dos atletas mais talentosos nas artes marciais mistas, e estamos empolgados em tê-lo como parte da nossa organização”, afirmou Sefo ao jornal “USA Today”. Inicialmente, a organização havia descartado a possibilidade de contratar o brasileiro, mas nos últimos dias a postura já havia sido revista e um acerto com Palhares era aguardado.

Aos 33 anos, Rousimar “Toquinho” Palhares possui um cartel de 15 vitórias e cinco derrotas. O mineiro, de Dores do Indaiá, venceu sua última luta, contra Mike Pierce no UFC Barueri, mas acabou demitido pelo Ultimate após o combate. Segundo a organização, Toquinho praticou conduta antidesportiva ao segurar por tempo demais a finalização que lhe rendeu a vitória no combate. A reincidência no ato também pesou na decisão, já que o brasileiro havia feito a mesma coisa ao finalizar Tomasz Drwal com uma chave de calcanhar, em 2010.

No WSOF, Toquinho vai se reencontrar com alguns ex-companheiros de UFC, como: Jon Fitch, Anthony Johnson, Miguel Torres, Yushin Okami, Tyson Griffin, Danillo Villefort e Jorge Santiago. A organização atualmente conta com seis eventos já realizados e somente um campeão definido, Steve Carl nos meio-médios. A estreia de Rousimar Palhares no World Series of Fighting está prevista para março do ano que vem, ainda sem data ou adversário definidos.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments